sistema-informaçao

 

A Editora Folha de Canela nasceu do sonho do jornalista Francisco Rocha, que iniciou suas atividades em comunicação na cidade de Canela no ano de 1998. Desde então, Rocha vinha se dedicando ao jornalismo comunitário, trabalhando em órgãos públicos, veículos de comunicação da região e atendendo empresas, prestando serviços de jornalismo e editoração gráfica.

Em janeiro de 2012, Rocha decidiu que era o momento de dar uma novo passo em sua carreira, abandonou um concurso público na Prefeitura de Canela, eram 13 anos de concurso, e fundou a empresa individual  Folha de Canela.

O primeiro exemplar da Folha de Canela circulou em 08 de março de 2012, com o slogan “Um olhar diferente sobre a cidade”.

Nasceram os eventos Destaque Folha e Mais Mulher. Vieram os cadernos especias e a aposta no jornalismo on-line.

Em 2014, a empresa individual se tornou uma limitada, com o intuito de passar de um simples semanário à editora. Em seguida, veio o Portal da Folha, hoje tratado pela editora como um veículo de comunicação e não apenas uma página na internet.

Em março de 2016, a editora relançou o jornal mais tradicional da cidade, o Jornal de Canela.

A Folha hoje, hoje edita dois semanários, a Folha de Canela, em quintas-feiras , e o Jornal de Canela, em terças-feiras.

É uma geradora de conteúdo. Não importa a plataforma, não importa o tipo de mídia, na Folha você sempre lê primeiro.