Início Polícia Acidente interdita estrada na zona rural

Acidente interdita estrada na zona rural

Continua depois da publicidade
Veículo derrapou e causou o primeiro acidente

 

Caos e medo, assim pode ser descrita a cena encontrada pela reportagem da Folha ao chegar dois quilômetros após terminar o asfalto na Rodovia Arnaldo Opptiz, a estrada que liga a cidade à localidade rural de São João.

As obras de construção da segunda etapa da Rota Panorâmica seguem sem nenhuma sinalização, a interferência da empresa contratada Compasul na via, mais a chuva que caiu durante esta segunda, 09, acabaram por causar um acidente envolvendo pelo menos cinco automóveis, por volta das 19h.

Até mesmo quem desceu a pé ao o trecho onde estavam amontoados os veículos teve dificuldades de parar em pé.

A pista coberta por grossa camada de lama fez com que uma camionete derrapasse, desgovernado, o veículo atingiu um poste e retornou para a pista, colidindo lateralmente com um Santana Quantum.

Este acidente já interrompeu a via, porém, um terceiro veículo que descia para o São João perdeu o controle batendo de frente com uma Fiat Strada, no meio destes quatro carros, um GM Chevette que não colidiu ficou preso e não pode sair do lugar.

Somado à isso, a completa escuridão, causada pela falta de iluminação pública em um trecho de três quilômetros e a falta de sinalização das obras, criou um cenário de pavor e incerteza para quem se envolveu no acidente.

Os carros continuam no local, pois o guincho não teve condições de acessar para retirar os veículos. Às 20h40min, nossa reportagem entrou em contato com o secretário de Obras Feliciano Foss, que estava providenciando uma retro-escavadeira para auxiliar na retirada dos veículos.

Quem tiver que se deslocar até a linha São João ou estiver voltando da zona rural, a orientação é que evite esta estrada. Uma alternativa é descer pela estrada do Chapadão.

A reportagem completa você confere na edição impressa da sua Folha, nesta quinta, 14.

Fotos: Francisco Rocha

Cinco carros se envolveram, três tiveram danos materiais
Um dos veículos ficou a poucos centímetros do barranco de mais de quatro metros