Início Destaque Situação do Hospital de Canela começa a ser definida sábado de manhã

Situação do Hospital de Canela começa a ser definida sábado de manhã

Continua depois da publicidade

Após a tentativa da Prefeitura de Canela que uma entidade privada assumisse o controle do HCC – Hospital de Caridade de Canela, novas alternativas vem surgindo para enfrentar o caos financeiro pelo qual passa a entidade e reativar os serviços médicos que encontram-se parados.

Atualmente, nenhum procedimento complexo, que envolva cirurgia, anestesia e até mesmo partos estão sendo realizados no HCC. Uma simples apendicite não pode ser atendida em Canela

Isso acontece porque o corpo clínico cumpriu sua promessa e se desligou do Hospital em razão dos salários atrasados (leia mais).

editalAmanhã pela manhã, 09, o conselho fiscal da entidade se reúne para avaliar uma nova proposta, que será apresentada pelo IbSaúde – Instituto Brasileiro de Saúde, Ensino, Pesquisa e Extensão para Desenvolvimento Humano. O IbSaúde é a entidade que administra hoje o Hospital Arcanjo São Miguel, em Gramado, e sua aproximação com o HCC está sendo feita pela Abasc – Associação Beneficente Amigos Solidários de Canela e membros do Conselho Fiscal.

Na próxima terça-feira, o Hospital terá assembleia geral para definir quais serão os rumos da entidade. A assembleia é aberta para a comunidade.

O Ministério Público foi convidado a participar de toda esta ação.

 

Quem são os donos do HCC?

Hoje à tarde, a reportagem da Editora Folha teve acesso ao Estatuto do Hospital de Caridade de Canela, que teve sua última atualização em 29 de novembro de 2012.

Ele estabelece que o hospital foi fundado em 1948 e que é uma sociedade de direito privado. Além disso, as deliberações sobre a destinação do patrimônio do hospital só podem acontecer através de assembleia geral.

estatuto HCC1

Ocorre que hoje, ninguém sabe quem são os sócios do HCC. Pode soar estranho, mas ninguém mesmo tem certeza de quem são os sócios, nem mesmo o conselho fiscal e os diretores de anos anteriores.

estatuto HCC2

O atual presidente do HCC, Jerônimo Terra Rolim espera que alguns sócios se façam presentes na assembleia, até para já serem conhecidos. Além disso, acredita-se que muitos destes sócios, pelo menos os primeiros, já tenham até mesmo falecido e os títulos societários não são previstos como direitos hereditários no estatuto da entidade, ou seja, não ficam de herança.

Por incrível que pareça, o Hospital pode não ter mais sócios.

 

Momento de mudar

Para o editor do Jornal de Canela e editor e colunista da Folha de Canela, Francisco Rocha, este é o momento de o HCC mudar, pois nunca esteve em estado financeiro tão crítico e nunca a comunidade falou tanto deste tema.

Para Rocha, a atual diretoria e o conselho fiscal devem, dentro dos limites legais, “esquentar o patrimônio do hospital”, que hoje não se sabe a quem pertence. A sugestão do colunista é de que o hospital avalie seu patrimônio e crie títulos societários que podem ser vendidos para a comunidade. “Assim, de fato a comunidade passa a ser dona do hospital”.

A sugestão de Rocha é fazer caixa com os títulos vendidos e ainda com uma mensalidade que será paga por cada associado, que poderá ter benefícios dentro do hospital, como em um plano de saúde. “Ambas ações trariam renda para o hospital, que não ficaria dependente apenas dos repasses de órgãos públicos”, explica o colunista.

A última contribuição financeira de um associado aconteceu em abril de 2009, de R$ 700,00, em conta bancária do hospital, porém o banco não soube mais identificar quem fez o depósito.

 

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Alternativa apresentada pela Prefeitura

O prefeito Cléo Port apresentou, no último dia 06, a proposta do ISEV – Instituto de Saúde e Educação Vida. A ideia é implantação do ISEV aos moldes do que ocorre no município de Arroio dos Ratos, onde, desde 2009, a entidade que administra a unidade de saúde, que transferiu ao ISEV sua finalidade estatutária, com cedência de patrimônio pelo período de 10 anos, como garantia de pagamento da dívida existente. Ressalta-se que o patrimônio não será incorporado pelo Instituto, mas apenas servirá como garantia.

 

Alternativa apresentada pela Abasc

A alternativa do IbSáude é uma gestão compartilhada, mantendo o conselho fiscal do HCC, com tempo pré-fixado para o instituto administrar o Hospital de Canela, até que o mesmo adquira saúde financeira. O lucro do IbSaúde sairia dos serviços prestados por ele ao HCC e não haveria alienação do patrimônio do hospital.

Mais sobre o IbSaúde pode ser encontrado no link www.ibsaude.org.br.