Início Segurança Promotoria oferece denúncia à Justiça contra vereador de Canela por compra de...

Promotoria oferece denúncia à Justiça contra vereador de Canela por compra de votos em 2016

Continua depois da publicidade

O Mistério Público de Canela encaminhou ao Judiciário Canelense uma denúncia, no último dia 31, na qual um vereador é acusado de compra de votos.

O fato teria acontecido nas Eleições de 2016, quando o então candidato à reeleição teria prometido o material para construção de uma casa em troca dos votos de ujma família.

A Polícia Civil de Canela investigou o caso e apurou que o vereador teria ainda prometido a mesma coisa para uma segunda família e o pagamento deveria ter acontecido assim que assumisse o mandado neste ano.

O vereador foi indiciado por compra de votos, conforme artigo 299 do Código Eleitoral Brasileiro, pela Delegacia de Polícia de Canela e o Ministério Público ofereceu a denúncia também por compra de votos.

A legislação prevê pena de prisão de até quatro anos para aqueles que oferecem ou prometem alguma quantia ou bens em troca de votos, mas também para o eleitor que receber ou solicitar dinheiro ou qualquer outra vantagem, para si ou para outra pessoa (artigo 299), além da cassação do registro ou do diploma do candidato e multa, de acordo com Lei das Eleições.

Foto: Reprodução