Início Geral Reajuste do IPTU de Canela segue causando polêmica

Reajuste do IPTU de Canela segue causando polêmica

Continua depois da publicidade

O reajuste na planta de valores imobiliários de Canela, e por consequência o aumento do IPTU na cidade, segue causando polêmica.

Nesta semana, a Prefeitura de Canela admitiu que, pelo menos, 250 carnês foram emitidos com a cobrança errada. O desacordo foi identificado como um erro de leitura de sistema.

De qualquer maneira, qualquer contribuinte que não concordar com o valor de seu IPTU pode abrir um protocolo na Prefeitura de Canela e pedir a revisão da cobrança. É importante que isso seja feito até 29 de janeiro.

Ontem, a Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção Canela-Gramado, se manifestou sobre o tema, emitindo nota oficial. Segundo a presidente, Mariana Melara Reis, a Comissão de Tributário está analisando a lei é eventuais ilegalidades. Será emitido um parecer até amanhã. A nota foi no propósito de dar uma posição à comunidade, que estava nos cobrando alguma ação.

Nota OAB Subseção Canela Gramado

A OAB Subseção Canela Gramado, considerando sua função constitucional e institucional, informa que, através de sua Comissão Especial de Direito Tributário (CEDT), está estudando as alterações ocorridas no IPTU – Imposto Predial e Territorial Urbano, do município de Canela e, havendo possibilidade, dentro de suas competências institucionais, tomará as medidas cabíveis em prol da cidadania.

Mariana Melara Reis

Presidente da Subseção