Início Gramado Advogado Gramadense é preso por apropriação indébita em Porto Alegre

Advogado Gramadense é preso por apropriação indébita em Porto Alegre

Continua depois da publicidade

No dia de hoje, a Polícia Civil de Gramado contou com o apoio da DPTUR para executar a prisão de um advogado que estava sendo procurado pela justiça, contra o advogado havia um mandato de prisão preventiva, decorrente de uma investigação desenvolvida pela Polícia Civil de Gramado, onde foi apurado que o advogado se apropriou de valores destinados à clientes em ações judiciais.
O advogado levantava os alvarás e se apropriava do dinheiro, tendo atingido várias vítimas na cidade de Gramado. Ele chegou a ser preso em 2016, mas obteve uma liminar no TJ/RS, sendo solto, mas a liminar foi cassada em seguida pelo próprio TJ, expedindo outro mandado de prisão.

O acusado deixou Gramado, desde então diligências foram realizadas em Guaporé, seu último paradeiro conhecido na época. Na sequência havia sido apurado que o advogado criminoso estaria na Bahia, e hoje retornaria ao estado do Rio Grande do Sul.

Diante disso, os agentes precisaram a chegado do voo, realizando a prisão ainda no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre. Após trâmites legais, o advogado será encaminhado à uma prisão especial em Porto Alegre.

Foto: Reprodução/Polícia Civil