Início Região Corede Serra debate Plano de Desenvolvimento até 2030

Corede Serra debate Plano de Desenvolvimento até 2030

Foto: Edenir Carvalho / Divulgação / DAER - Uma das linhas de intervenção é a construção de um aeroporto regional, beneficiando as microrregiões de Bento Gonçalves, Caxias do Sul, Gramado/Canela/Cambará do Sul e Vacaria para transporte de passageiros e cargas, com duplicação da Rota do Sol (foto)
Continua depois da publicidade

Estudo elaborado por professores da UCS será apresentado no próximo dia 02

Com o objetivo de construir estratégias para a execução de 60 projetos nas áreas de Planejamento Regional, Urbanismo e Habitação; Economia; Turismo; Meio Ambiente e Saneamento; Logística e Energia; Saúde; e Educação, o Conselho Regional de Desenvolvimento da Serra apresenta, nesta segunda, 02 de abril, o Plano de Desenvolvimento Regional 2015-2030.
Elaborado por professores da Universidade de Caxias do Sul com alta especialização, sob orientação da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão do Estado, o documento estabelece 220 ações que demandam recursos públicos e privados para o encaminhamento ou execução de cada projeto até o final da próxima década.
O encontro ocorre no Salão de Atos da Reitoria, no Bloco A do campus-sede da UCS, das 14h30 às 16h30, e tem como convidados prefeitos, presidentes e líderes de bancadas de Câmaras de Vereadores, presidentes de CICs e de sindicatos rurais, deputados federais e estaduais da região e imprensa dos 32 municípios abrangidos pelo Corede Serra.
“O debate conjunto será decisivo para o fortalecimento regional, preparando a sociedade e os setores produtivos para os desafios já impostos, bem como para elevar o grau de modernização de uma região que sempre esteve à frente nas questões que envolvem crescimento econômico e qualidade de vida”, destaca o presidente do conselho, Isidoro Zorzi.
Nesse sentido, o plano (o documento completo pode ser acessado no link planejamento.rs.gov.br/upload/arquivos/201710/18091413-plano-serra.pdf ) destaca quatro linhas de intervenção e sintetiza dez prioridades regionais.
Algumas que dizem respeito à nossa Região são:
• Construção do Aeroporto Regional: beneficiando as microrregiões de Bento Gonçalves, Caxias do Sul, Gramado/Canela/Cambará do Sul e Vacaria para transporte de passageiros e cargas, com duplicação da Rota do Sol; duplicação da BR-116, entre Caxias do Sul e Vacaria; duplicação da RS-122, entre Farroupilha e São Vendelino; triplicação entre Caxias do Sul e Farroupilha; e duplicação da BR-470, entre Nova Prata e Carlos Barbosa; com outras obras futuras visando atender demanda a ser criada, após a reorganização e implantação de roteiro internacional para visitação dos cânions da Serra Geral.
• Organização da Região Metropolitana da Serra Gaúcha: visando acelerar o planejamento integrado da região, em todas as dimensões do desenvolvimento.