Início Cidade Canela tem 1800 novos eleitores em quatro anos

Canela tem 1800 novos eleitores em quatro anos

Foto: Reprodução - Biometria será a novidade desta eleição
Continua depois da publicidade

Todas as urnas eletrônicas em Canela terão biometria. Veja outros dados do eleitorado

Subiu consideravelmente o número de eleitores em Canela desde a última eleição para presidente, em 2014. Conforme dados do TSE – Tribunal Superior Eleitoral divulgados nesta quarta-feira, 01, eram 29.415 em 2014 e, agora, são 31.263, ou seja 1.848 novos eleitores.
Outro dado que chama a atenção é o número de transferências realizadas pelo Cartório Eleitoral de Canela, o que mostra que a cidade, a cada ano, recebe um grande número de moradores de fora.
Desde novembro de 2016 até o fechamento do cadastro eleitoral em 2018, 1.060 títulos foram transferidos de outras cidades para Canela. Essa migração é responsável por mais de 60% dos novos eleitores.
As mulheres continuam sendo a maioria do eleitorado. Eram 15.304 em 2014 e agora somam 16.447. O número de eleitores com deficiência aumentou de 25 para 37 em quatro anos, mais ainda é pequeno para o tamanho da cidade.
A grande maioria do eleitorado continua concentrada na faixa etária entre 25 e 45 anos, mas, assim como em todo o Estado, diminuíram o número de eleitores na faixa entre 16 e 17 anos. Em 2014, eram 222, agora são 193. Esse fenômeno, para o cientista político e professor de Relações Internacionais e Jornalismo da Unisinos, Bruno Lima Rocha, está ligado, principalmente, à crise política e ao modelo atual de vida nas cidades, já que o título não é obrigatório nesta idade.
Outra curiosidade dos dados do TSE é quanto ao estado civil, pois diminuiu o número de casados em 2% nestes quatro anos, aumentando os solteiros e os divorciados.
Para o cartório eleitoral, essa mudança nos dados é normal, uma vez que as pessoas só procuram atualizar seus dados para emitir uma segunda via de documento, na transferência do título ou quando realizam a biometria. Assim, os dados, como o grau de instrução do eleitorado, vão mudando. Por exemplo, o número de eleitores analfabetos caiu na cidade, de 631 para 563, mesmo estando ainda muito alto.
No mesmo sentido, diminui o número de eleitores com o ensino fundamental incompleto e aumentaram os eleitores com ensino médio e superior compĺetos.

Biometria
Em 2014, não existia a biometria, novidade nesta eleição presidencial em Canela. Todas as urnas estarão equipadas com a tecnologia nos dois turnos da eleição. Neste primeiro momento, apenas 7.943 eleitores estão aptos ma votar com a impressão digital, 25,41% dos eleitores.
Mas, até a eleição este número pode subir, algo não confirmado pela justiça eleitoral, talvez, todos os eleitores poderão utilizar o recurso.

Mesários
O Cartório Eleitoral informa ainda que as convocações já estão prontas para os mesários que vão trabalhar nestas eleições. O edital completo você confere no aqui. Edital 20-2018
Além disso, os voluntários podem procurar o Cartório eleitoral na Rua Dona Carlinda para os procedimentos.