Início Canela Quarto homicídio do ano em Canela pode ter sido acerto de contas...

Quarto homicídio do ano em Canela pode ter sido acerto de contas entre criminosos

Foto: Reprodução - Luan Pires Pereira
Continua depois da publicidade

Homem morto possuía vários antecedentes, inclusive por homicídio

O quarto homicídio do ano em Canela aconteceu por volta das 4h do último domingo (26), quando um homem já identificado pela Polícia Civil entrou no Bommbar, às margens da RS 235, no bairro São José e matou Luan Pires Pereira, com uma facada no abdômen.

Segundo a Polícia Civil, frequentadores do bar tentaram impedir o autor da facada, após, quase foi linchado, mas acabou fugindo, deixando seu carro no estacionamento e a faca no local do crime.

Luan já tinha sido indiciado pela PC em diversos crimes, inclusive como autor de dois homicídios em Canela.

Ele também participou da morte de Rogério Pereira, segurança morto em casa noturna da cidade em novembro de 2015. Neste caso, ele haveria chamado o segurança para frente do estabelecimento, onde foi baleado.

A vítima, inclusive, foi a júri na semana em Canela, por matar Ismael Port Gomes, o Nenezinho, a tiros em 2016, na Vila Miná. Ele recebeu a baixíssima pena de seis anos em regime semiaberto, o que poderia, inclusive, ser uma das motivações do autor da facada, linha de investigação não descartada pela Civil.

O suspeito até o momento está sendo procurado, mas não foi encontrado nos endereços conhecidos. Ele já foi preso pela Civil de Canela em outra ocasião.