Início 360 Graus Volta a faltar água em Canela e Gramado

Volta a faltar água em Canela e Gramado

Continua depois da publicidade

Diversos pontos de Gramado e, pelo menos, três bairros de Canela (Eugênio Ferreira, Palace Hotel e São Luiz) voltaram a sofrer com a falta de água durante o último final de semana e no feriado de Ano-Novo.

Quando escrevi, no início de dezembro, que a obra da nova adutora da Corsan, que aumentaria a capacidade de abastecimento das Estações de Tratamento, não ficaria pronto em 2018, teve quem achou ruim.

Pois bem, a obra não ficou pronta. Nenhuma novidade, em se tratando de obra pública.

Agora, a Corsan indica que precisará mais alguns dias para terminar a ligação da nova adutora, que traz água do Poço da Faca, no Rio Santa Cruz, em São Francisco de Paula, até as estações de tratamento de Canela e Gramado.

Ao Jornal Pioneiro, a Corsan justificou que a nova adutora fica em um terreno acidentado e poderia se romper caso fosse utilizada a capacidade máxima e que ajustes serão feitos em janeiro para que ela possa ampliar em 30% a captação de água.

Além disso, disse que a culpa da falta de água no final de semana foi de cortes na energia elétrica, o que parou o bombeamento para as estações.

A Corsan pede a compreensão da comunidade.

Gente, desde novembro está essa folia e a explicação é simples, a Corsan não se preparou para a alta temporada. Trabalha de noite para captar e tratar a água que é usada de dia.

Vai ser preciso mais que essa nova adutora para resolver este problema da falta de água, apesar de a companhia dizer que sim. É só mais um paliativo.

E não adianta botar a culpa no turismo. Canela e Gramado trabalham para atrair cada vez mais pessoas para a região. Esse número só vai crescer.

O que falta é investimento de verdade por parte da Corsan, sem enrolação e sem gambiarra, para resolver o problema da falta de água.

Em uma região como a nossa de mananciais abundantes e água limpa captada junto à natureza, deixar faltar água nos reservatórios é falta de planejamento. Não tem desculpa.

Infelizmente, para nossa comunidade, a perspectiva é que, em épocas de alta temporada e de calor, vai continuar faltando água.