Início Economia Carteira de Habilitação pode ficar até 30% mais barata no RS

Carteira de Habilitação pode ficar até 30% mais barata no RS

Continua depois da publicidade

Retirada do simulador e concorrência entre CFCs devem baixar preço do documento

Na esteira de outras ações que promovem a redução do preço da carteira nacional de habilitação (CNH),o Detran do Rio Grande do Sul aprovou medida que estimula a concorrência entre Centros de Formação de Condutores (CFCs), terminando com o valor fixo de serviços oferecidos por esses órgãos. 

Os Centros de Formação de Condutores (CFC) do Rio Grande do Sul poderão passar a cobrar preços diferentes para emitir a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), cujo valor atualmente é tabelado. A determinação veio de uma portaria, assinada nesta terça-feira (18) pelo diretor-geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Ênio Bacci, e o governo espera que a habilitação fique 25% mais barata.

Outra mudança também assinada em portaria é a possibilidade de ter autoescolas em municípios com 20 mil habitantes. Até então, apenas cidades com mais de 45 mil moradores poderiam formar motoristas. Ambas as portarias passam a valer a partir da publicação no Diário Oficial do estado, o que deve ocorrer até semana que vem.

Atualmente, o preço para tirar a CNH tipo B, para carros, é R$ 2.270,76. Com as mudanças anunciadas pelo Detran, e também alterações determinadas pelo Conselho Nacional de Trânsito em âmbito nacional, o governo estadual espera que a habilitação fique mais barata.

A partir de setembro, a quantidade de aulas práticas exigidas para tirar a carteira será reduzida, e o uso do simulador de direção passará a ser facultativo. Com isso, o Contran garante que a carteira ficará 14% mais em conta.

Foto: Reprodução