Início Meio Ambiente Promotoria Regional do Caí instaura procedimentos para investigar queimadas e agrotóxicos na...

Promotoria Regional do Caí instaura procedimentos para investigar queimadas e agrotóxicos na água

Continua depois da publicidade

A Promotoria Regional Ambiental da Bacia Hidrográfica do Rio Caí instaurou inquérito civil para apurar notícia da presença de agrotóxicos na água para consumo humano em onze municípios da Bacia Hidrográfica do Rio Caí.

Segundo notícia veiculada na imprensa, foram detectados agrotóxicos nas águas dos municípios de São José do Sul, Canela, Farroupilha, Ivoti, São Francisco de Paula, Montenegro, Nova Santa Rita, Nova Petrópolis, Salvador do Sul, Triunfo e Caxias do Sul. Como providência preliminar, a promotora de Justiça Cíntia Foster de Almeida requisitou informações ao secretário de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde.

Também foi instaurado Procedimento Administrativo para apuração da responsabilidade por queimadas não licenciadas nos Campos de Cima da Serra, Bacia do Rio Santa Cruz, conforme noticiado pelo Município de Canela. “Tais queimadas podem impactar a qualidade das águas captadas na região do Poço das Facas, localizado em São Francisco de Paula e que abastecem o Município de Canela”, explicou a promotora.

Como diligência inicial, foi solicitado ao Gabinete de Assessoramento Técnico do MPRS a realização de levantamento dos focos de queimada e dos danos ocasionados. Serão, por fim, realizadas audiências com os municípios envolvidos.