Início Canela Novembro Azul: Palestra na Câmara abordará saúde do homem

Novembro Azul: Palestra na Câmara abordará saúde do homem

Continua depois da publicidade

A Secretaria de Saúde de Canela promoverá uma palestra na próxima quarta-feira (27), na Câmara Municipal, às 10 horas. O evento é uma atração extra que foi inserida na programação do Novembro Azul, mês em que os homens são convidados a refletir sobre os cuidados preventivos em relação ao câncer de próstata.

O palestrante será João Gauer, coordenador da Política de Saúde do Homem da 5° Coordenadoria Regional de Saúde, especialista em Saúde Coletiva e mestrando em Ensino na Saúde. A participação na palestra é gratuita, aberta à comunidade. Segundo a enfermeira Carla Dias Pinto, responsável pelo setor de Ações da Secretaria de Saúde, um dos objetivos da presença do profissional é ver a possibilidade de trabalhar de maneira mais institucional programas a respeito da saúde do homem em Canela.

Neste sábado (23), duas ações estão marcadas. No Presídio Estadual, das 7h às 13h, serão realizados testes rápidos (hepatites, sífilis e HIV), a cargo do SAE. Às 9h, na UBS do bairro Leodoro de Azevedo, acontecerá palestra com a médica de família Ananda Carvalho Mandaro e oferecimento de testes rápidos.

O Novembro Azul ganhará a indústria Dauper na segunda-feira (25). quando a psicóloga Paula Montes palestrará sobre depressão, às 8 horas. Na própria Dauper, a programação do Novembro Azul encerrar-se-á na quinta-feira (28), com palestra sobre infecções sexualmente transmissíveis e realização de testes rápidos, a cargo do SAE

EVENTOS OCORRIDOS
Na quarta-feira (20), às 14 horas, na Unidade Central, ocorreu roda de conversa sobre saúde do homem, com o médico Marcos Vogt e a enfermeira Cristina de Moura, além de solicitação de exames de colesterol, triglicerídeos e outros para os homens presentes. Na quinta-feira (21), na UBS do bairro São Luiz, foi realizado oPedágio Azul na rua em frente. Também foram prestadas orientações sobre saúde do homem, disponibilizados testes rápidos (hepatites, sífilis e HIV), vacinação e consultas de rotina anual.