Início Papo Simples Papo Simples • Edição 392 • Janaína Kehl de Castilhos

Papo Simples • Edição 392 • Janaína Kehl de Castilhos

Continua depois da publicidade

Nome: Janaína Kehl de Castilhos
Idade: 39 anos
Filiação: Iris Kehl de Castilhos e Manoel Ubirajara de Castilhos
Formação: Biomédica
Trabalho: Biomédica esteta, proprietária do Ser Mais Centro Multiprofissional e pesquisadora na UFCSPA
Fato marcante em sua vida: Nascimento prematuro da minha filha
O que te deixa sem jeito: elogios
Uma alegria: minha família, meu trabalho
Uma decepção: o desrespeito que impera nos dias atuais
Ponto forte: Persistência
Ponto fraco: ser realista demais
Cor preferida: Verde
Prato preferido: Frango recheado feito pela Vó Elly
Bebida: Chá
Esporte: Corrida
Hobby: Cozinhar
Programa de tv: Tempero de Família
Que fazer no domingo: Ficar com a minha família
Animal de estimação: Cachorro
Um filme: Gattaca
Uma música: Tonight, Tonight (Smashing Pumpkins)
Um livro: Ponto de Mutação (Fritjof Capra)
Um defeito: querer ter tudo sob meu controle
Uma qualidade: Adaptabilidade
Uma saudade: da minha infância
Um sonho de criança: ter uma família
O que mais admira numa pessoa: Humildade
O que mais detesta numa pessoa: Arrogância
O que tu mudarias em Canela: Nossa maior qualidade é ser uma cidade pequena e acolhedora, pensando nisso, faria um planejamento urbano com menos prédios, valorizaria mais iniciativas locais e reforçaria os ares de interior, além de incentivar o plantio de hortênsias, flor símbolo da nossa cidade.

TUA OPINIÃO SOBRE:

Política: Somos seres políticos, fazemos política em nossas relações todos os dias. A política é nossa ferramenta de relacionamento com as pessoas e organizações, somente através de nossas atitudes políticas seremos capazes de melhorar nossa casa, nosso bairro, cidade, estado, país.

Educação: Vivemos um momento em que a educação, tanto no sentido de polidez quanto educação formal estão totalmente desvalorizadas. Acredito que isso só mudará quando entendermos que a educação não é responsabilidade somente dos professores, das instituições de ensino ou dos governantes, é responsabilidade de todos nós.

Religião: Como cientista meu primeiro impulso é buscar uma explicação plausível e palpável para tudo. No entanto, acredito que não somos capazes de explicar tudo e que temos em nossa essência a necessidade de acreditar em algo superior e a religiosidade nos permite isso.

Amor: Afeição por outro ser, atividade ou coisa que te faz querer e fazer o melhor possível por eles.

Família: Minha família é tudo pra mim, minha base, meu apoio, por eles e com eles tudo vale a pena.

Amizade: Amizade não depende do tempo ou da distância e sim da afinidade, confiança, amor, respeito e compreensão.

Casamento: Amor, altruísmo, amizade, união, companheirismo, confiança e respeito são as bases de um bom e duradouro relacionamento.

*UM RECADO: A vida é um momento, se preocupe mais em ser do que em ter. Seja altruísta, ame, viva intensamente, seja presente, em todos os sentidos possíveis da palavra, faça isso hoje e com pequenos gestos, pois os pequenos gestos são os que realmente importam e amanhã poderá não ser possível.