Início Educação Aluno Nota 10 de Gramado lança “Eu sou brasileiro”

Aluno Nota 10 de Gramado lança “Eu sou brasileiro”

Continua depois da publicidade

A partir do dia 21 de agosto, passa a circular o livro Eu sou brasileiro!”, que integra a coleção Histórias do Mini Mundo. Criado especialmente para o Aluno Nota 10, esse livro foi construído de forma a levar o leitor a um passeio lúdico junto com os personagens do Mini Mundo (ursinhos Gui e Ana, Limpador de Chaminés, Bruxinha Ju e Princesa Rafa). Os cenários são os locais históricos do Brasil que marcaram a nossa passagem do regime de Monarquia para República. A partida para mais essa aventura no Mini Mundo acontece num dos prédios históricos do parque: a Estação de São João del Rei, de Minas Gerais. O primeiro destino é o Rio de Janeiro, município que foi sede da Proclamação da República, no ano de 1889, pelo Marechal Deodoro da Fonseca.

RECEBA AS NOTÍCIAS DO PORTAL DA FOLHA GRATUITAMENTE NO SEU WHATSAPP!

Em paralelo aos aspectos históricos retratados de forma divertida e leve pelos personagens, são apresentados textos que visam a mostrar o que é a “ser um cidadão brasileiro” e como exercemos a nossa cidadania. O objetivo é mostrar que temos o direito à escolha de nossos governantes por meio do voto, que existe um equilíbrio entre os três poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário), que temos uma estrutura de segurança que garante a nossa soberania e, por fim, são relembrados os símbolos que unem todos os brasileiros, de Norte a Sul e de Leste a Oeste.

“Acreditamos que esse é um momento muito importante para criar a reflexão sobre o que é ser um cidadão brasileiro. Há uma mudança política em curso e é fundamental que as pessoas participem de alguma forma, nem que seja por meio de conversas em casa, para que sejam gerados bons frutos dessa experiência”, comenta o escritor e ilustrador do “Eu sou brasileiro!”, Flávio Mesquita.

Também nessa linha de pensamento, a diretora do parque Mini Mundo e sponsor do Projeto Aluno Nota 10, Jussara Höppner, diz que a consciência do cidadão e o sentido de pertencimento à nação deve acontecer cedo na vida da criança para que, no futuro, possa fazer a sua opção de forma consciente e responsável por meio do voto. “A criança é afetada indiretamente pelas políticas públicas, seja pelo transporte público, saúde, educação, segurança e etc. Observar o ambiente político e estudar a história do Brasil podem contribuir sensivelmente para a formação da cidadania e, por consequência, de uma sociedade melhor”, ensina Jussara. 

O livro chega ao público por meio dos jornais de Gramado neste mês e, também, serão entregues para os diretores das escolas inscritas no Aluno Nota 10 – Ano Letivo 2019 a partir da segunda quinzena de setembro. Cada escola receberá uma quantidade física de livros e poderá solicitar a versão digital.