Início Canela Mapa definitivo traz Serra e outras três regiões em bandeira laranja

Mapa definitivo traz Serra e outras três regiões em bandeira laranja

Continua depois da publicidade

Ao indeferir recursos, Estado mantém mapa definitivo com 17 bandeiras vermelhas na 38ª rodada

O Gabinete de Crise indeferiu, na manhã desta segunda-feira (25/1), os três pedidos de reconsideração à classificação preliminar. Com isso, o mapa definitivo da 38ª rodada do Distanciamento Controlado se manteve com 17 bandeiras vermelhas e quatro laranjas.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

Os recursos foram enviados pelas associações regionais de Taquara, Guaíba e Passo Fundo, todas regiões em bandeira vermelha, e, pelo risco alto para esgotamento da capacidade hospitalar e velocidade de propagação do coronavírus, os pedidos foram negados.

A região da Serra, a qual pertencem Canela e Gramado segue em bandeira laranja.

Veja a classificação definitiva da 38ª rodada em https://distanciamentocontrolado.rs.gov.br

Mesmo com o início da vacinação no Rio Grande do Sul, o governo considera importante o alerta para que toda a população siga mantendo os cuidados, com higienização constante, uso de máscara e evitar aglomerações, para conter a propagação do vírus até que parcela significativa de pessoas esteja imunizada.

“A pandemia ainda não acabou. Por isso, seguiremos cumprindo com o nosso papel de emitir os alertas para preservarmos vidas mantendo a maior parte das atividades econômicas funcionando”, afirmou o vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, que estava como governador em exercício quando coordenou o Gabinete de Crise no início da manhã desta segunda (25).

Cogestão

Das 21 regiões Covid, 18 estão em cogestão e podem adotar protocolos próprios, elaborados pelas respectivas associações regionais. As 14 regiões em bandeira vermelha que aderiram ao sistema compartilhado podem adotar protocolos compatíveis até o nível de restrição da bandeira laranja. Guaíba, Santa Maria e Uruguaiana, que não estão na cogestão, devem seguir os protocolos determinados pelo Estado de bandeira vermelha.

As regiões de Pelotas, Caxias do Sul, Bagé, Cachoeira do Sul, classificadas em laranja e participantes do sistema de cogestão, podem utilizar protocolos de bandeira amarela, se estiverem previstos e atualizados nos seus planos regionais.