Canela,

23 de maio de 2024

Anuncie

Abaixo-assinado que visa a proibição de fogos de estampido chega a 800 assinaturas

Compartilhe:

A ação visa proibir a utilização de fogos de artifício a partir de explosão com pólvora, além de definir multas para quem utilizar destes artefatos

Nos últimos anos o movimento da comunidade contra os fogos de artifícios com ruídos vem ganhando força. Essa ação tem o intuito de proteger e deixar mais confortáveis crianças, idosos, portadores do transtorno do espectro autista e animais (que são os mais afetados pelos fortes estampidos produzidos por rojões, morteiros, bombas e fogos).

A proibição vai contra a Lei Federal 4.238, de 1942, ultrapassada é claro, porém apenas uma lei federal poderia mudar de fato a situação, revogando ou alterando a previsão existente. Visto isso, a cidadã canelense Claudia Pautz iniciou um abaixo-assinado que visa a proibição de fogos de artifício a partir da explosão de pólvora, e imponha sanção pelo descumprimento dessas medidas proibitivas na cidade de Canela/RS. Diversas cidades do país já realizaram tal mudança, passando a utilizar apenas fogos de artifício luminosos, sem estampido.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

Riscos

A questão envolvendo a proibição dos fogos vai além do incômodo com os ruídos. Há ainda uma preocupação médica e de segurança relacionada ao manuseio desses artefatos. Queimaduras, amputações e até cegueira são alguns dos riscos do uso indevido de fogos de artifício.

Confira o que diz o abaixo-assinado:

Nós, cidadãos do município de Canela/RS e simpatizantes da qualidade de vida encontrada no município, assinamos o presente abaixo assinado, requerendo: emissão de medida legislativa que proíba o uso de fogos de artifício a partir da explosão de pólvora, e imponha sanção pelo descumprimento dessas medidas proibitivas na cidade de Canela/RS.

Segundo o site da Fundação Osvaldo Cruz, o ruído é considerado prejudicial e, a partir de 55 decibéis (dB) pode acarretar níveis de estresse e outros efeitos negativos nos indivíduos. Lembrando que a quantidade de energia dobra para cada 3dB de aumento na intensidade do som. Assim, uma pessoa recebe a mesma “dose de ruído” ouvindo uma música de 80dB por 8 horas, que ouvindo 100 dB por 4 minutos, segundo a OMS.

O ruído dos fogos convencionais gira em torno de 140 dB. Já para os fogos ditos “sem som” gira em torno de 100dB.  Esse nível de ruído provoca grande sofrimento para algumas crianças, idosos, pessoas enfermas, sensíveis e/ou especiais e ainda para os animais domésticos e silvestres.

Comemoração e festa não combinam com sofrimento! Fogos não!

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

O abaixo-assinado pode ser encontrado e assinado virtualmente em https://www.change.org/fogosnaoemcanela. No momento, a campanha já conta com mais de 800 assinaturas, sendo que neste final de semana será o encerramento da campanha, que ainda passará por uma contagem dos formulários em papel. O projeto será encaminhado à Câmara de Vereadores de Canela e também para o prefeito da cidade.

Para quem possui interesse na campanha, pode acompanhar atualizações pelo Instagram @fogosnaocanela onde são feitos posts diários com argumentações favoráveis à proibição dos fogos.

Imagens: Divulgação