Canela,

16 de julho de 2024

Anuncie

Gramado – Saúde monitora casos de monkeypox no município e pede atenção da comunidade

Compartilhe:

Dados revelados pela Secretaria da Saúde na última sexta-feira (02) mostram que o município de Gramado já teve 22 casos de monkeypox notificados. Destes, quatro foram confirmados e 18 estão descartados. Três pessoas fazem isolamento domiciliar.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

A monkeypox causa infecção com sintomas que duram de 2 a 4 semanas, geralmente dividida em dois períodos: Invasão, que dura entre 0 e 5 dias, com febre, cefaleia, dor muscular, dor das costas e diminuição da força física; Depois vem a erupção cutânea, como vermelhidão na pele, inchaços ou caroços, que começa entre 1 e 3 dias após o aparecimento da febre. A erupção tem características clínicas semelhantes com varicela ou sífilis, com diferença na evolução uniforme das lesões.

Pacientes com suspeita da doença devem ficar em isolamento, em um local com boa ventilação natural. É recomendado que ambientes comuns, como banheiro e cozinha, fiquem com janelas abertas. Caso more com outras pessoas, deve-se usar a máscara cirúrgica bem ajustada, protegendo a boca e o nariz.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

O Ministério da Saúde recomenda que o aparecimento de febre alta e súbita, dor de cabeça e aparecimento de gânglios é o suficiente para um paciente procurar um médico em alguma unidade básica de saúde.