Canela,

29 de fevereiro de 2024

Anuncie

Canelense toca guitarra com a banda Green Day no Rock In Rio

Compartilhe:

A sexta (9) foi especial para a canelense Natália Blankenheim, 27 anos, ou Nati Costtelinha, como também é conhecida.

Nati é  fotógrafa e designer, mas muito envolvida com música, ativamente cantando no Movimento Coral Feevale e no Coro Vozes de Gramado. Além disso, é fã da banda Green Day. 

Ela já havia assistido um show da banda,  mas longe do palco. “Queria muito a grade, era a minha oportunidade de ver de pertinho”, disse.

Tradicionalmente,  Billie Joe, vocalista do Green Day, convida alguém da plateia para tocar os três acordes de “Knowledge”, um cover da banda punk Operation Ivy. Nati lembrou da experiência e dois dias antes de viajar para o Rio, fez o cartaz.

“Embora, na minha cabeça,  nada seja impossível, sabia que seria um momento muito disputado. Chegando lá,  colei na grade e não sai mais”.

Salva pelo segurança 

Natália e os amigos assistiram todos os shows na grade, mas, pouco antes do Green Day subir ao palco, sua pressão baixou e nem água eles tinham mais. Foi então que o segurança da banda veio em seu apoio, oferecendo água e ainda lhe deu uma palheta personalizada da banda.

“Se não fosse pela atitude dele, teria saído antes e nada daquilo teria acontecido”.

De Canela para o Palco Mundo 

A canelense não estava muito confiante, pois, no momento em que Billie Joe iria chamar alguém da plateia havia muitos cartazes.

“Mas a galera do meu lado fez bastante barulho e uma amiga me ergueu para que ele me visse da passarela. No momento que ele apontou pra mim, eu entrei num desespero interno porque aquilo estava acontecendo”. 

“Não sou a melhor guitarrista do mundo, faz muitos anos que não pratico e estar em cima do Palco Mundo na frente de 100 mil pessoas tocando com Billie Joe não ajudou muito na minha pouquíssima experiência. Eu fiquei super nervosa, dei umas deslizadas, mas, não importa, pois nada vai tirar de mim essa experiência incrível”.

“Ao fim do meu momento de surto um dos membros da equipe do Green Day me levou para o backstage e me contou que tinha um presente para mim, a guitarra! Como não podiam me entregar ela no meio do show, me informaram que iriam me acompanhar até a grade e me colocar no lugar onde eu estava para que eu pudesse ver o resto do show e depois que tudo acabou eu recebi, enfim, a guitarra!”

Após a performance na Cidade do Rock, Nati vai voltar à Canela. Na bagagem, a guitarra Epiphone Les Paul branca e a certeza de que vai voltar a praticar guitarra.