Canela,

28 de fevereiro de 2024

Anuncie

Cabelo

OPINIÃO FORTI

Márcio Diehl Forti

OPINIÃO FORTI • Vereadores, Max Guazelli e Oktoberfest #006

Compartilhe:

Vereador/Secretário

Sou um grande crítico do vereador que vira secretário. Quando votamos nas pessoas supomos que as mesmas vão cumprir suas promessas de campanha. Se eu confiei meu voto em alguém para fiscalizar e legislar em prol do município o mínimo que eu espero é que a pessoa cumpra com sua função.

Posto isso teci críticas ao fato de vereadores como o Alfredo Schaeffer terem largado seu posto na câmara para assumir uma secretaria. Sei inclusive que o atual secretário do Meio Ambiente ficou chateado com algumas palavras que falei.

 • SIGA O MÁRCIO NO INSTAGRAM

Quem está em situação de eleito pelo público tem que entender que não é intocável e que sim tem responsabilidade sobre os votos que o colocaram como um representante do povo, logo acredito que seja passível sim de críticas.

Por outro lado não significa que eu não torça por um excelente trabalho do Alfredo. Ainda mais em uma secretaria que sofreu tudo o que o Meio Ambiente sofreu. Se por um lado sou contra a atitude dele de largar a câmara, por outro acho um ato extremamente corajoso.

Alfredo assumiu uma pasta delicada, deixada em destroços pelo seu antecessor e está propondo diversas mudanças afim de agilizar os processos e melhorar a situação em diversas esferas. É preciso sim desburocratizar a secretaria do meio ambiente e ao mesmo tempo proteger nossa cidade e nosso ecossistema.

Reunião com o Max Guazelli

Participei da coletiva de imprensa com o Promotor Max, sobre o destravamento do processo de privatização do Parque do Pinheiro Grosso. É nítido que precisamos resolver diversas questões relativas a parcerias com a iniciativa privada. E Alfredo e sua equipe terão muito trabalho pela frente. Não posso desejar nada menos que sucesso para essa pasta, pois nossa comunidade depende demais do turismo e ele está ligado umbilicalmente ao meio ambiente.

• LEIA TODAS AS COLUNAS DE MÁRCIO DIEHL FORTI

Igrejinha e o orgulho todo de uma Comunidade

Como é bacana participar da Oktoberfest de Igrejinha. A comunidade tem um enorme orgulho do evento. Os voluntários trabalham felizes, os moradores se envolvem, participam, jogam juntos e acho que é por isso que dá tão certo. Quem sabe um dia a gente tenha esse mesmo orgulho da nossa cidade e, por que não, tenhamos uma grande festa comunitária para chamar de nossa. Sei que temos a Romaria e o Parque do Caravaggio, mas o propósito é outro. Enfim, se existe a tal da inveja boa, eu sinto a mesma quando vou na Oktoberfest de Igrejinha. Ein Prosit!