Canela,

18 de abril de 2024

Anuncie

Aquisição de merenda escolar da agricultura familiar é tema de encontro entre Prefeitura e produtores

Compartilhe:

A alimentação escolar é fundamental para a garantia da segurança alimentar dos mais de 6 mil estudantes da Rede Municipal de Ensino de Gramado. Somente em 2022, foram investidos cerca de R$ 1 milhão na aquisição de merenda escolar da agricultura familiar. Para traçar as estratégias do próximo ano, na tarde desta segunda-feira (31), representantes da Secretaria de Agricultura, Educação e Emater estiveram reunidos com produtores de Gramado.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

Na ocasião, foram apresentadas as alterações do Programa Nacional de Alimentação Escolar a partir do próximo ano. De acordo com as novas regras, os alimentos não poderão mais ser processados e na sua composição não deverá conter açúcar. A preocupação da agricultura familiar é produzir alimentos saudáveis, sadios e sem agrotóxicos na mesa dos estudantes, respeitando a natureza e oferecendo uma variedade de frutas, verduras, legumes e raízes.

O secretário de Agricultura, Rafael Ronsoni, destaca a importância social e econômica para as famílias de agricultores em participar da merenda escolar dos estudantes gramadenses. “É mais um incremento na subsistência das famílias e a garantia de permanência no campo. Através de uma parceria com a Emater, estamos cada vez mais próximos das propriedades rurais e assim, fomentando que novos alimentos sejam produzidos por nossos colonos”, disse Ronsoni.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

No início da administração Nestor e Luia, foi criada a Central de Distribuição de Alimentos junto à Secretaria de Agricultura, contribuindo e facilitando as entregas realizadas pelas famílias rurais. Todas as segundas-feiras, dezenas de famílias se reúnem para fazer a separação e destinação dos alimentos às escolas municipais.

Crédito: Ascom/PMG