Canela,

16 de junho de 2024

Anuncie

Conheça Nícolas Heckel chef revelação de Gramado

Compartilhe:

Reconhecido pelo Prêmio Revista Sabores do Sul 2022 como Chef Revelação Gramado, ele está à frente do novo restaurante Catherine

A gastronomia é parte da genética do gramadense Nícolas Heckel, 32 anos, que acaba de vencer como chef Revelação de Gramado no 15º Prêmio Revista Sabores do Sul. Formado em Gastronomia na Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) de São Paulo e com pós-graduação em Gastronomia e Cozinha Autoral pela PUCRS, as suas primeiras lembranças na cozinha são da infância, na relação com a mãe e avó, que estavam sempre preparando pratos especiais. 

“Minha vó tinha uma receita que eu adorava, que era pão, ao invés de assado, frito em formato de rosquinhas e passado no açúcar”, lembra. A escolha de ser chef de cozinha aconteceu “por acaso” aos 17 anos, quando ainda trabalhava de office boy no escritório do pai e conseguiu um extra no restaurante do tio. Recebendo a função de auxiliar na cozinha, ele acabou gostando e se profissionalizando na área. 

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

Quando se mudou para São Paulo, em 2008, teve as suas primeiras experiências como cozinheiro e atuou em restaurantes de chefs renomados como Helena Rizzo, Ana Luiza Trajano, Yann Corderon e Alex Atala. Três anos mais tarde, em 2011, a vontade de continuar aprendendo com quem tem anos de experiência no mercado fez Nícolas iniciar um tour de cinco anos pela Europa. 

Lá, atuou em um restaurante especializado em frutos do mar na Itália e também passou pela cozinha do chef Marcel Van Der Klein, na Holanda. Experiências que foram decisivas no seu aperfeiçoamento profissional como chef de cozinha. “O maior deles foi aprender as técnicas clássicas francesas e de alta cozinha que priorizam a precisão, cuidado nos detalhes, minimalismo na montagem dos pratos e o respeito ao ingrediente”, conta. 

Unindo os conhecimentos adquiridos ao longo do caminho, o chef aprimora diariamente o seu gosto pela cozinha autoral: “Ela aflora a questão da criatividade, de estudar e desenvolver uma técnica para o prato. Isso me instiga bastante”. 

O resultado pode ser percebido nas suas criações para o menu do restaurante Catherine, em Gramado, onde é chef e sócio. Com a proposta de uma cozinha franco-brasileira, ele apresenta ao público releituras de pratos clássicos franceses e receitas autorais como fondues de sabores diferentes, usando ingredientes de alta qualidade e sempre abusando da precisão na elaboração das combinações. 

Neste cenário, ele analisa a gastronomia de Gramado. “Evoluiu bastante nos últimos anos. Tem restaurantes que servem comidas interessantes, mas tem muita coisa para ser feita ainda”, opina. 

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

Entre os seus projetos, está consolidar o Catherine entre os melhores empreendimentos gastronômicos da cidade e da região, desafio que encara com otimismo: “As pessoas têm se permitido experimentar uma cozinha mais moderna e criativa”. Essa boa aceitação certamente está ligada ao diferencial da cozinha de Nícolas, pautada em elaborar comida boa, de qualidade e que cria bons momentos. 

“Ser reconhecido como Chef Revelação de Gramado é resultado de 15 anos de caminhada, de quando eu ainda era um adolescente em busca de um sonho”, analisa. Ele explica que a trajetória de um cozinheiro não é glamurosa ou elegante, como por vezes é popularizada. “Nosso trabalho é servir e isso é o que tenho feito em cada dia destes últimos 15 anos. Então, é impossível não ficar muito feliz e grato a cada um que cruzou minha história e contribuiu para que eu chegasse até aqui”. O prêmio dos melhores eleitos pelos leitores da revista Sabores do Sul já existe há 15 anos e é um dos mais reconhecidos no segmento. O reconhecimento foi entregue no último dia 21 em Porto Alegre.