Canela,

23 de junho de 2024

Anuncie

Cabelo

OPINIÃO FORTI

Márcio Diehl Forti

OPINIÃO FORTI • Hard as Rock! #011

Compartilhe:

Hard as a Rock!

Esse é o título de uma das músicas favoritas deste cidadão que tece algumas linhas toda a semana aqui neste espaço. Escrita e interpretada pela banda de Hard Rock AC/DC faz sucesso e a tradução literal é Duro com uma Rocha!

O Hard também pode ser traduzido como difícil e na real se encaixa melhor no que penso. A Folha de Canela venceu novamente o prêmio Mérito ACIC como veículo escrito do ano. E porque passou a ser habitue desta empresa ser a mais lembrada?

 • SIGA O MÁRCIO NO INSTAGRAM

Porque focou no Hardnews que, também traduzindo, é a notícia sendo trabalhada de forma instantânea.

Um pouco antes da pandemia mudar a vida de todo mundo o Chico “Rock” e eu conversávamos bastante sobre o futuro dos veículos impressos e o quanto, hoje em dia, eles ficavam defasados rapidamente, sendo praticamente atropelados pela comunicação em tempo real nos tempos de redes sociais e internet.

• LEIA TODAS AS COLUNAS DE MÁRCIO DIEHL FORTI

E desde então a Folha passou de ser o veículo que conhecíamos para se reinventar e revolucionar a forma de entregar suas informações. Passamos a ser abastecidos por notícias em tempo real a todo instante. Não precisávamos esperar até quinta para receber a notícia na integra e aí sim entender tudo o que acontecia. Passamos a repercutir tudo o tempo todo, recebendo a informação completa de forma objetiva e através de diversos canais. Principalmente o whatsapp.

Quer saber de tudo e ainda ter acesso aos colunistas que repercutem tudo isso e muito mais? Não tem problema: tem a edição completa toda a quinta à noite. Passou o dia fora e quer saber o que aconteceu? Vai no Instagram ou no Facebook que tem os links para o Portal te entregar tudo de forma precisa. O resultado disso tudo está aí. A Folha de Canela entrega o que o leitor precisa com embasamento e credibilidade. O Portal cresce vertiginosamente os acessos em relação a concorrência. E ao final acabamos sendo