Canela,

17 de junho de 2024

Anuncie

Temporada de Verão 2023 – A cultura como elemento de convite

Compartilhe:

Foto: Lisi Viezzer.

As iniciativas culturais do Instituto Cultural Laje de Pedra, sob coordenação do gestor cultural, André Venzon, ampliam o campo das expressividades artísticas. Atualmente, os visitantes são recepcionados pela intervenção artística Casulo, da artista Heloísa Crocco, que abraça o corpo físico e a transformação do antigo hotel.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

A temporada de verão 2023 já integra cerca de 150 obras de 19 artistas visuais da Coleção de Arte Laje de Pedra, bem como, as mostras Território do Sensível, onde os fotógrafos Fernando Bueno, João Farkas e Claudio Edinger lançaram-se em uma experiência de imersão nos Campos de Cima da Serra e Vale dos Vinhedos; a exposição Abraço, do designer Zanine de Zanini, que  reúne vinte e sete peças, sendo dez desenhos inéditos: mesas, poltronas, banquetas, cadeiras e bancos – oriundos da madeira – matéria que assume cores e formas expressivas; e a mostra Sioma Breitman, em parceria com o Instituto Cultural Canela de Fotografia e Artes Visuais, com as icônicas Noivas de Sioma e Os Nus de Sioma, mesmo sendo multipremiado sem salões de fotografia do mundo inteiro, os ensaios produzidos no final dos anos 40 e início dos 50, reverenciam as mulheres e nunca foram expostas em conjunto.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

Já a Orquestra Filarmônica Laje de Pedra, uma das iniciativas culturais que integra o pilar artístico ICLP, tem direção executiva e artística de Allan John Lino e coordenação de Heitor Knorst e Júlio César Wagner.