Canela,

13 de junho de 2024

Anuncie

Conheça a história do Game Boy, o console portátil mais bem sucedido da história

Compartilhe:

Com mais de 30 anos no mercado, o Game Boy é o videogame portátil mais famoso do mundo, contando com games que fizeram muito sucesso e marcaram gerações. Devido a uma longa vida útil, o console caiu rapidamente nas graças do público, quando foi lançado em 1989 pela Nintendo no Japão. Não demorou muito até que o Game Boy cruzasse o pacífico e chegasse à América e, logo em seguida, à Europa.

Caindo imediatamente no gosto popular, a criação da empresa japonesa venderia cerca de 118 milhões de unidades ao redor do mundo. Várias explicações cabem para tentar entender o fenômeno que foi o Game Boy. A principal talvez seja a soma de baterias duradouras e excelente acervo de games, isso fez com que se criasse uma base de fãs cada vez mais sólida para games que, na época, ainda estavam se consolidando no mercado.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

Desenvolvimento e criação do Game Boy Advance

Com o sucesso estrondoso do console, não demorou muito para a Nintendo desenvolver outros videogames portáteis do mesmo estilo do Game Boy. Em 1996 foi lançado o “Game Boy Pocket”, com acabamentos prateados metalizados, 30% menor que o Game Boy normal e display monocromático mais nítido. Funcionava com duas pilhas AAA, o que lhe possibilita caber na palma da mão.

Após isso, foi também lançando uma versão Game Boy Light, que era alguns milímetros maior do que o seu antecessor, mas essa versão não foi vendida em todos os lugares do mundo, tendo sido lançada somente no Japão, em 1997. Um ano depois, a Nintendo lançou o Game Boy Color, já com um display colorido e capaz de reproduzir os jogos antigos de seus antecessores. Além disso, trouxe um display de LCD com baixo consumo de energia, abandonando de vez o fundo verde que, por vezes, prejudicava a visão dos jogadores.

Entretanto a grande criação da linha Game Boy viria em 2000, com o Game Boy Advance. O console era consideravelmente mais tecnológico que seus antecessores, ele contava com um display de 2.9″ com resolução de 240 x 160 pixels e paleta de 32.000 cores. O portátil foi desenvolvido em um formato horizontal e recebeu a adição de mais dois botões, o L e R.

O sucesso de vendas só aumentou e vários games antigos foram relançados para o console. Jogos como Super Mario Bros. e Sonic também tiveram versões lançadas para Game Boy Advance. No caso de Sonic, o lançamento mais famoso é o game Sonic Advance, que traz fases clássicas do personagem, como a Casino Paradise, que mostra o ouriço em um cenário de jogos de cassino (tão visto hoje em sites como a NetBet Brazil e outros), semelhante a fase Casino Night Zone de Sonic The Hedgehog 2.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

O lançamento do Nintendo DS, a evolução do Game Boy

Com o passar do tempo e a entrada da Sony no mercado de videogames portáteis, a Nintendo precisou de mais um produto forte para se colocar de forma contundente no mercado. Por isso, em 2004 foi lançado o Nintendo DS, um portátil com conexão Wi-Fi, duas telas (sendo uma delas touchscreen).

Em 2011, a Nintendo lançou mundialmente o 3DS, sucessor direto do Nintendo DS, mas que possuía melhorias em relação a resolução, além de também possibilitar que os jogadores tivessem acesso a 3D sem que precisassem ter óculos especiais para isso.

O desenvolvimento de consoles que revolucionam o mercado foi sempre uma marca da Nintendo. Foi assim com toda a linha Game Boy e é assim com outros consoles como o Switch, que é o mais recente lançado pela empresa. Assim como o Game Boy, o Switch também pode ser jogado como um console portátil, mas também existe a possibilidade do jogador poder utilizá-lo como um videogame de mesa. Por isso, ele é considerado o primeiro console híbrido da história. Isso nada mais é do que a Nintendo quebrando mais um padrão e inovando o mercado de games.

Foto: Reprodução