Canela,

21 de junho de 2024

Anuncie

Cabelo

OPINIÃO FORTI

Márcio Diehl Forti

OPINIÃO FORTI • Páscoa em Canela e a caixa de bombons com surpresa

Compartilhe:

Ainda O Esporte

Falei semana passada sobre a saída do Marcelo Drehmer do DMEL. Pois bem, conversei com mais algumas pessoas e o cenário não é ruim: é péssimo. A realidade é que não se tem um política de valorização do esporte há anos e parece que atualmente o descaso ainda é maior. Competições desprestigiadas, falta de estrutura, zero apoio e pouca perspectiva. Um dos esportes principais organizados pelo DMEL é o futsal. Em Gramado são três divisões com diversas agremiações envolvidas e um ótimo ginásio para se acompanhar. Em Canela duas divisões com poucas adesões, sem nem ao certo se saber onde serão as partidas com poucos recursos e praticamente nenhuma visibilidade ou prestígio dados aos praticantes. Que empresa vai querer investir em um time se nem se sabe aonde serão os jogos? Quem vai querer acompanhar as partidas se não se sabe se vai ter lugar para sentar, um refrigerante para comprar ou um lugar para estacionar o carro. E muita gente que gostaria de ir a pé não se sente confortável e nem vou falar em transporte público em dia de rodada porque seria ir longo de demais. Sonhamos com um governo que valorize realmente o esporte local, mas por enquanto isso é apenas um sonho

Caixa de Bombons com surpresa!

Páscoa lembra chocolate né? E também aquelas caixas de bombons de marcas famosas. Lembro que ganhava algumas e aí quando abria sempre tinha uns sabores estranhos que eu não curtia muito. As vezes vinham uns quantos Passas ao Rum. Eu ficava deveras pistola. Pois bem, nossa querida e aguardada Páscoa em Canela está vindo com algumas surpresas bem negativas na sua caixa. Não teremos atrações de entretenimento e culturais. Saudade da nossa programação que encantava crianças e cativava adultos, inclusive na forma religiosa. Já é difícil para o nosso comércio na baixa e aí reter o fluxo na alta quando não se oferece atrações nesse sentido, piora ainda mais. Nossos eventos sempre envolveram multidões. É necessário com urgência que Canela se reorganize. Somos sim uma cidade essencialmente turística e ninguém vai me convencer que apenas com decoração vamos manter os visitantes na nossa cidade.

 • SIGA O MÁRCIO NO INSTAGRAM

Ruídos

As declarações da atual secretária de Turismo, Carla Reis, demonstram que ela não está falando a mesma língua que a administração. Ela deveria ser a primeira a saber, informar e depois buscar novas alternativas para um dos eventos que mais trazem resultados para nossa comunidade. Está mais que na hora de todos remarmos para o mesmo lado. Com transparência e firmeza no propósito principalmente.

A real é uma

A bem da verdade nosso prefeito deveria nesses últimos dois anos de governo reinventar sua administração. A Cáritas acabou mostrando que boa parte das estruturas e processos de governança estão defasados e sucintos a práticas não republicanas. Poderia deixar um ótimo legado atualizando processos e trazendo para o seu lado quem realmente quer fazer diferente, independente de partido. Mas será que ele tem vontade de fazer isso? Para isso acontecer as pessoas precisariam ter certa autonomia com responsabilidade e, também, se cercarem de gente competente. Infelizmente acho que isso não vai acontecer. Gostaria muito de calar minha boca!