Canela,

29 de novembro de 2023

Anuncie

Dois homens são presos pela PATRAM por esquema de invasões e vendas ilegais de terras em Canela

Compartilhe:

Após denúncias referente à destruição de vegetação nativa, os policiais militares, do 3° Batalhão Ambiental da Brigada Militar de Canela, prenderam, nesta sexta-feira (17), dois homens envolvidos em um esquema de invasões e vendas ilegais de terras, no município de Canela.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

Conforme as informações, os homens estariam realizando a supressão de vegetação nativa, em uma área de preservação permanente – APP, caracterizada por um córrego. A equipe do 3° BABM, acompanhada pelos agentes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Fiscalização Urbana, chegou no local e avistou dois homens, pai e filho, de 47 e 19 anos, respectivamente, que estavam saindo do local.

Constatou-se no local a destruição de vegetação nativa, em uma APP e, durante a abordagem, foram localizadas, no veículo, as ferramentas usadas nos crimes ambientais. Ao ser indagado sobre a procedência dos materiais, o homem de 47 anos, que já possui antecedentes por crime ambiental, informou que estava fazendo o corte da vegetação, para a venda da área para terceiros.

Diante do crime ambiental, os homens receberam voz de prisão e foram encaminhados à Delegacia de Polícia de Canela. O sujeito de 47 anos é conhecido na região pela prática de crimes de grilagem de terras públicas e privadas inclusive com uso de violências e ameaças, já tendo sido preso pelo mesmo fato. Ainda, o indivíduo tem ligações com o esquema de venda de terras irregulares na região, inclusive com vínculos, com os indivíduos presos pelo 3° Batalhão Ambiental, no dia 5 deste mês.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

Após o flagrante, os homens serão encaminhados ao presídio de Canela e responderão pelos crimes de parcelamento ilegal do solo, supressão de vegetação nativa e intervenção irregular em Área de Preservação Permanente – APP.