Canela,

20 de abril de 2024

Anuncie

Inicia encontros de grupo reflexivo de gênero

Compartilhe:

Foto: Joci Rodrigues.

Ação busca conscientizar e mudar comportamento de homens envolvidos em episódios de violência contra mulher, já com medida protetiva de urgência, em vigor

Com a finalidade de conscientizar e combater a violência doméstica contra a mulher, a 2ª Vara Judicial da Comarca de Canela, em parceria com a Prefeitura Municipal, iniciou a realização de grupos reflexivos de gênero com homens intimados por questões referentes à Lei Maria da Penha. Os encontros iniciaram no dia 5 de abril e estão ocorrendo no CIDICA.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

A iniciativa, adotada por meio da juíza Simone Chalela, consiste na realização de grupos com autores de violência doméstica que, após ordem judicial, são intimados a participar da atividade em que é utilizada a técnica de encontros grupais nos quais cada homem é convidado a dialogar e refletir sobre temas importantes.

“Depois de importantes ações para proteger a vítima, como a criação da Casa Vitória, o propósito é, de fato, evitar que as mulheres, já fragilizadas, voltem a sofrer o terror da violência doméstica”, conta Dra. Simone.

Encontros

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

O primeiro Grupo Reflexivo de Gênero de Canela já está sendo realizado e é mediado por Silvia Cristina Maciel, assistente social do Centro de Referência de Atendimento à Mulher de Sapiranga e uma das facilitadoras capacitadas pelo TJRS e já realiza os grupos em outros municípios. Silvia atua como facilitadoras do diálogo e promove a reflexão dos integrantes.

No encontro da semana passada o convidado foi o delegado de polícia Dr. Vladimir de Medeiros.
São seis encontros no total com a finalidade de discutir e desconstruir atitudes machistas, prevenindo principalmente a violência doméstica.