Canela,

26 de maio de 2024

Anuncie

Rota Romântica: 27 anos fomentando o turismo e cultura da região

Compartilhe:

A Associação Rota Romântica completou no último sábado, 22 de abril, 27 anos de atuação ininterrupta na promoção do turismo e preservação da cultura, visando o crescimento sustentável da cadeia turística dos 14 municípios que integram o roteiro.

Inspirada na Romantische Strasse da Alemanha, o roteiro congrega, desde sua criação, municípios que têm na cultura germânica a sua essência. Iniciando em São Leopoldo, berço da colonização alemã, o roteiro segue até São Francisco de Paula, o município que representa a cultura gaúcha.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

Para marcar os 27 anos, a Rota Romântica está preparando diversas ações para integrar as comemorações ao Bicentenário da Imigração Alemã, que será comemorado em julho de 2024. Eventos nas 14 cidades e uma viagem técnica para a Alemanha, em agosto deste ano, são algumas das atividades já previstas.

Pensando no desenvolvimento da região, a Rota Romântica pretende lançar, ainda esse ano, um circuito de caminhadas. “Hoje temos o Circuito de Cicloturismo já conhecido e bastante explorado. Mas sabemos da demanda de roteiros de caminhadas, atividade em alta nesses últimos anos. Por isso, estamos preparando um circuito englobando as cidades centrais da Rota Romântica, sendo mais uma alternativa de passeio na região”, afirma a Presidente Terezinha Marina Kuhn Haas.

O papel da Rota Romântica também é de estar presente e pensar coletivamente no desenvolvimento das cidades. Diante disso, a entidade está estruturando, junto às cidades e a agência Rumos Turismo e Conexões, roteiros personalizados nos municípios. Santa Maria do Herval e Morro Reuter já estão em operação, enquanto Linha Nova, Presidente Lucena e Ivoti devem ser finalizados ainda esse ano.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

“Nós primamos pelo nosso relacionamento com as 14 cidades queremos estar juntos para celebrar as conquistas e dividir os anseios. Porque somente assim, tornaremos a Rota Romântica cada vez mais conhecida”, destaca Terezinha.