Canela,

17 de maio de 2024

Anuncie

Após identificação, jovem que construiu simulacro de bomba recebe apoio psicológico

Compartilhe:

A reportagem da Folha acompanhou parte da vistoria realizada pelo grupo de operações táticas e especiais, no final desta manhã - Foto: Francisco Rocha

Ele colocou artefato em frente à escola, no último dia 20 de abril, as condições e motivação foram identificadas durante a investigação

No último dia 20, a comunidade de Canela se assustou com um artefato que foi encontrado no pátio do Campus da UCS em Canela, aonde também está sediada a escola Coopec. Diante das diversas ameaças de possíveis ataques em escolas, um forte esquema de segurança foi realizado pelas forças policiais, possibilitando que os alunos fossem retirados e a segurança de todos garantida, chegando a vir um grupo especializado de da Brigada Militar, de Porto Alegre para examinar o artefato encontrado.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

As aulas foram suspensas durante a manhã e os alunos liberados. Próximo meio-dia, os policias tiveram a confirmação do que a investigação já supunha, que se tratava de um simulacro de bomba. As investigações haviam começado ainda na manhã de quinta (20) e no decorrer dos dias o responsável pelo ato foi identificado.

Os órgãos de segurança seguem sem falar sobre o fato, mas a reportagem da Folha apurou que o responsável por construir o simulacro de bomba e colocá-lo em frente à escola é um jovem de 18 anos, morador de Canela.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

Ele não possuía vínculos com a escola e sua intenção não possuiu nenhuma relação com algum grupo ou ideologia. Após o encerramento da investigação, o jovem recebeu atendimento da Rede de Apoio do Município e foi encaminhado para tratamento psiquiátrico.

A reportagem não obteve nenhuma informação de que tipo de encaminhamento o inquérito policial terá daqui para frente. A identidade do jovem não foi revelada, mas foi possível apurar que realmente passa por grave abalo pessoal e seu delicado momento psicológico teriam motivado suas ações no dia 20 de abril.