Canela,

19 de maio de 2024

Anuncie

Chico

360 GRAUS

Francisco Rocha

Enquanto Gramado discute reajuste no Auxílio-Moradia das Forças de Segurança, Canela nem oferece este benefício

Compartilhe:

Zapeando os e-mails da semana encontrei uma nota interessante do gabinete do vereador Renan Sartori (MDB), que levou para o plenário da Câmara de Vereadores de Gramado a pauta da possibilidade de aumento do auxílio-moradia para as forças de segurança do Município.

Renan destacou que, conforme pesquisa de seu gabinete, não foi identificado aumento real no subsídio, há muitos anos. Ainda, destacou o caso da Patram, que é regional, tendo seus policias atuando na cidade, mas não recebem o auxílio porque a sede é em Canela.

 “Temos a cidade de Três Coroas que pratica um valor em torno de R$ 850 mensais; Igrejinha paga um valor em torno de R$1.250,00, contra a cidade de Gramado que tem apresentado um valor em média de R$ 250,00 mensais”, compara o vereador.
Para Renan, para um Município que vai chegar perto dos R$ 450 mi de arrecadação, é muito possível buscar orçamento para atualizar o auxílio-moradia dos policiais e bombeiros. “É importante sempre relembrar que, quando as coisas apertam e precisamos de ajuda, são essas corporações a quem sempre podemos contar”, finalizou.

Concordo em gênero, número e grau com o vereador Renan. Mas aí pergunto ao leitor da 360 Graus: e Canela, que nem sequer paga esse benefício?

Existem algumas casas em escolas do Município, que são oferecidas a brigadianos, umas ainda nem foram finalizadas. E só!

Aliás, aqui em Canela durante algum tempo se falou que tal benefício era proibido por lei. Eu sempre respondia essa afirmação com o fato de que Gramado paga, Igrejinha paga e Três Coroas paga. Estariam todos eles errados e só Canela faz uma interpretação correta da lei?

Óbvio que segurança pública é um dever do Estado, mas é aqui no município que sofremos os efeitos da criminalidade. Sempre defendi que o município deveria oferecer este auxílio, afinal, morar em Canela e Gramado é muito caro, você que me lê e mora na Região sabe muito bem disso.

Depois não adianta chorar que Canela não tem efetivo. Claro que o policial ou o bombeiro vai preferir trabalhar em uma cidade que ele recebe um auxílio.

Não é por nada, também, que a Delegacia Regional da Polícia Civil é em Gramado, que o comando regional da Polícia Rodoviária é em Gramado, que o comando da Brigada Militar é em Gramado e que o comando regional dos Bombeiros é em Gramado.

Eu sei que existem diversos políticos por aí que não gostam muito das forças de segurança, por motivos óbvios, mas culpa exclusiva deles. Por outro lado, já passou de levantarmos esta discussão.

Fica a dica para a Prefeitura de Canela se mexer com o assunto e algum vereador levantar esta bandeira no Legislativo Canelense.

Vale lembrar que, a cada ano, quando PC e BM divulgam os dados de seus trabalhos, Canela é a cidade que mais possui ocorrências na região, número que sempre aumenta.

Por fim, parabéns ao vereador Renan por levantar este assunto.

Vereador Renan Sartori