Canela,

28 de fevereiro de 2024

Anuncie

UCS lança curso superior de Tecnologia em Viticultura e Enologia

Compartilhe:

Foto: Aldo Toniazzo/IMHC/UCS

Período do curso que se inicia em agosto é de um ano e meio. Para a primeira turma serão ofertadas 30 vagas

A Universidade de Caxias do Sul oferece a partir do mês de agosto o curso superior de Tecnologia em Viticultura e Enologia. A novidade será apresentada na noite desta quinta-feira, 15, em evento para convidados no Centro Empresarial de Flores da Cunha. O curso tem caráter exclusivo devido à sua formatação e conteúdo. 

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

O objetivo da graduação em Viticultura e Enologia da UCS é formar profissionais para empreender, planejar, operacionalizar e gerenciar diferentes segmentos da área vitivinícola e da enologia, identificando novas perspectivas com a concepção de que o fazer profissional e os produtos da vitivinicultura são resultados da expressão cultural da região. Para a primeira turma serão oferecidas 30 vagas, e os interessados devem participar do processo seletivo. Mais informações no link.

O período do curso é de um ano e meio, com carga horária de 2,4 mil horas, mais atividades complementares. As aulas ocorrem no Campus-Sede, em Caxias do Sul, e na  Escola de Gastronomia da Universidade de Caxias do Sul, localizada em Flores da Cunha, com turmas no vespertino e à noite. A matriz curricular contemplará ainda disciplinas com atividades práticas em vinícolas da região, disciplinas principalmente presenciais e a distância (síncronas e assíncronas). Como diferencial, os alunos terão formação com ênfase para potencialização de um profissional empreendedor e inovador, de modo que possam impulsionar o segmento em todos os seus âmbitos: técnico, enoturístico, geográfico e enogastronômico.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

“O curso foi formatado para que o aluno integralize o currículo em três semestres, um modelo que o diferencia de todas as outras seis formações em enologia do país, cuja integração mínima é de três anos. Além disso, contará com chancela internacional da Organizzazione Nazionale Assaggiatori di Vino (ONAV), da Itália”, acrescenta o diretor da Escola de Gastronomia, Mauro Cingolani. O professor destaca que a UCS mostrou-se sensível às necessidades socioculturais da região e às exigências do mercado de trabalho, atenta e pronta a dar respostas positivas no âmbito da formação de profissionais em todas as áreas do conhecimento. “Temos uma parceria muito importante com o Centro Empresarial de Flores da Cunha, e de forma conjunta percebemos de fato a demanda pelo curso nesta que é a maior região vitivinícola do país”, observa Cingolani.

Saiba mais sobre o curso aqui!