Canela,

17 de maio de 2024

Anuncie

Projeto para transformar resíduos sólidos em produtos de valor agregado é pauta em nova edição do Research Talks

Compartilhe:

Foto: Claudia Velho

Encontro de pesquisadores da Universidade de Caxias do Sul também abordará atuação da agência de inovação UCSiNOVA e do Herbário da Instituição, um banco de biodiversidade vegetal

A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade de Caxias do Sul promove, dentro do Fórum de Pesquisadores da Instituição, a conferência Research Talks. No dia 16 de junho, a partir das 9h, professores que integram atividades de pesquisa na Universidade vão compartilhar informações sobre os estudos desenvolvidos.

O encontro aberto à comunidade ocorre presencialmente, no Salão de Atos do Bloco A, com possibilidade de participação virtual, pelo Google Meet.

Voltada para pesquisadores, mestrandos, doutorandos, gestores de inovação, empreendedores e interessados nos temas, a atividade ocorre mensalmente. Para obter certificado de participação, é necessário efetuar  inscrição. Saiba mais.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

Confira a programação e os temas abordados nesta edição:

9h – Abertura, com pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UCS, professor Everaldo Cescon

9h10min – Agência de Inovação – UCSiNOVA 

A pró-reitora de Inovação e Desenvolvimento Tecnológico da UCS, professora Neide Pessin, e o coordenador de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, professor Matheus Parmegiani Jahn, apresentam o fluxo e as modalidades de projetos de Inovação e Desenvolvimento Tecnológico que envolvem os diferentes atores do Ecossistema de Inovação. A agência de inovação da UCS é uma estrutura de articulação entre a comunidade e a academia, voltada para o desenvolvimento de pesquisas, projetos e serviços. Atua na indução, estabelecimento e gestão de um ecossistema sinérgico para a inovação e para o empreendedorismo.

9h30min – Projeto RS UP: Estratégias Tecnológicas para Transformação de Resíduos Sólidos Urbanos em Produtos de Valor Agregado

Os professores Marcelo Godinho, Lademir Luiz Beal e Gabriel Fernandes Pauletti, diretor do Instituto de Biotecnologia, compartilham informações sobre a iniciativa do Conselho Regional de Desenvolvimento da Serra (COREDE SERRA), do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável da Serra Gaúcha (CISGA) e da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (AMESNE), que conta com a parceria de 32 municípios. A pesquisa, que desenvolve alternativas tecnológicas para a destinação sustentável de resíduos sólidos urbanos, transformando-os em energia e produtos com valor agregado, é desenvolvida pela UCS através do Laboratório de Energia e Bioprocessos (LEBIO), do Laboratório de Análises Ambientais (LATAM), da Área Experimental/Fazenda Escola e da Agência de Inovação (UCSiNOVA). 

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

9h50min – HUCS: Banco da Biodiversidade Vegetal da UCS 

O curador do Herbário da Instituição, professor Felipe Gonzatti, falará sobre a coleção científica de material botânico exsicatado (seco, identificado e armazenado), iniciada em 1983, pelo professor Ronaldo A. Wasum. Referência para o estudo da flora do Sul do Brasil, o acervo vem sendo utilizado no desenvolvimento de várias pesquisas institucionais na UCS e intercâmbios científicos. O HUCS, também associado ao Jardim Botânico de Caxias do Sul, conta com 58 mil amostras de plantas, algas marinhas, fungos macroscópicos e fungos liquenizados. A partir de 2008, a coleção passou por um processo de informatização e digitalização, que resultou na disponibilização dos registros em três bases de dados, duas nacionais (SpeciesLink e SiBBr) e uma global (GBIF). As linhas de pesquisa atualmente desenvolvidas no ambiente envolvem o estudo da diversidade e sistemática de samambaias e licófitas neotropicais; a caracterização da vegetação costeira e da Serra Gaúcha; e o ensino e a popularização da botânica.