Canela,

20 de junho de 2024

Anuncie

Alunos da rede municipal colocam a mão na terra na hora de plantar árvores

Compartilhe:

Foto: Rafael Zimmermann

Plantar o futuro hoje para colher bons frutos amanhã: assim é a ação liderada pelo prefeito Constantino Orsolin, que com apoio da Secretaria de Educação, vem ensinando alunos do turno integral da rede municipal a plantar mudas de árvores no Parque do Palácio, num incentivo à educação ambiental e também para que os estudantes se apropriem deste espaço que vem recebendo melhorias.

Orsolin, que também é professor, apresenta as mudas aos alunos explicando que a pequena plantinha pode se tornar uma grande árvore.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

Em seguida, os pequenos entendem qual a importância que uma árvore tem, das folhas que dão sombra, dos frutos que viram alimento para os animais e humanos e também o seu papel no ecossistema como um todo, na geração de oxigênio, que reflete também na qualidade do ar e na temperatura da localidade.
As mudas da espécie Ipê e Ingá são plantadas no parque com intenção de se criar uma alameda. Elas são identificadas por escola, com a intenção de que quando as crianças forem visitar o local, consigam acompanhar o crescimento da planta. O prefeito ensina o passo a passo do plantio: com a retirada da muda do saco plástico, colocando no buraco, jogando a terra – depois uma mistura adubada. “Ao promover esse ato e o plantio, especialmente, eles estão vivenciando o aprendizado. Com certeza as crianças se lembrarão deste dia quando forem adultos. É um tipo de experiência que vale por mil lições”, destaca o prefeito Constantino Orsolin.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

Nesta semana participaram das atividades os alunos do 1º ao 5º ano das Escolas Municipais Cônego João Marchesi, bairro Ulisses de Abreu; Bertholdo Oppitz, do São Lucas e Ernesto Dornelles, bairro Boeira. A intenção é até o final do ano plantar aproximadamente 600 mudas de árvores no parque. A ação conta com apoio da equipe da Secretaria de Obras. “É um neném. Muito pequeninha. Vai crescer e dar um monte de frutinhas”, disse Artur que estuda na Escola Municipal Cônego João Marchesi, ainda eufórico poucos minutos após a experiência de plantar a primeira árvore de sua vida.