Canela,

23 de junho de 2024

Anuncie

Fim de semana pode ser marcado por novo ciclone no RS

Compartilhe:

Defesa Civil do Rio Grande do Sul emitiu alertas para chuvas intensas e volumosas com riscos de enxurradas nas cabeceiras de rios.

Menos de um mês depois da tragédia que provocou a morte de 16 pessoas no Rio Grande do Sul, um novo ciclone extratropical pode se formar no oceano e pode provocar estragos no próximo fim de semana em diversas regiões do estado. Provavelmente, porém, em menores dimensões.

Segundo a meteorologista Josélia Pegorim, da Climatempo, a previsão é que no próximo sábado (8) o volume de chuva fique entre 100 mm e 150 mm. As rajadas de ventos podem atingir 85 km/h. A chuva já iniciou nesta sexta-feira (07) devido a passagem de uma frente fria.

O volume de chuva é inferior à média de 200 mm a 300 mm da tragédia que atingiu o Rio Grande do Sul em 24 horas nos últimos dias 15 e 16 de junho, porém é suficiente para causar inundações e enxurradas.

A previsão é que os reflexos do ciclone extratropical sejam vistos no leste e no nordeste do Rio Grande do Sul, que inclui a região metropolitana, a Serra Gaúcha e o litoral do estado, além da região serrana e o litoral sul catarinense.

Nesta quarta-feira (5), o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) afirmou que o ciclone extratropical, associado à frente fria, terá rápido deslocamento por áreas da região Sul. No domingo (9), ele vai atuar sobre o mar, na altura da região Sudeste. “Neste dia, a chuva tende a ficar concentrada, principalmente, entre Santa Catarina, Paraná e sul e leste de São Paulo, mas em menores volumes”, afirma o instituto.

A Defesa Civil do RS já havia emitido um alerta que a chuva iniciaria na quinta-feira (06), se intensificando na sexta-feira (07) e sábado (08) podendo causar transtornos relacionados ao acúmulo de água e aos temporais.

“Ainda há muitas incertezas em relação à posição e intensidade deste ciclone e também sobre o volume de chuva que poderá causar”, afirma a Climatempo.

Na semana passada, o governador Eduardo Leite (PSDB) anunciou a implementação de medidas para auxiliar atingidos pelo ciclone de junho, como o pagamento de um benefício no valor de R$ 2.500 para todas as famílias afetadas.

No domingo, o tempo firme deve voltar a predominar no estado.