Canela,

19 de julho de 2024

Anuncie

Museu do Festival de Cinema de Gramado promove debate sobre acessibilidade em museus

Compartilhe:

Foto: Rafael Cavalli

Evento é aberto a todos os públicos, com entrada gratuita e emissão de certificado

Nesta quarta-feira, 26 de julho, o Museu do Festival de Cinema de Gramado realizará um importante debate sobre acessibilidade universal em museus. O evento, marcado para as 19h, contará com a participação de renomados professores de cursos de Museologia do estado: o Prof. Dr. Daniel Maurício Viana de Souza, da Universidade Federal de Pelotas (UFPEL), e a Prof. Dra. Jeniffer Alves Cuty, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

O intuito do debate é fomentar discussões e compartilhar ideias sobre como tornar os museus mais inclusivos e acessíveis a todos, independentemente de suas necessidades e limitações físicas. A busca pela acessibilidade universal visa assegurar que pessoas com deficiências, idosos, gestantes, crianças e qualquer outro público encontrem oportunidades iguais para desfrutar da cultura e do patrimônio expostos nos museus.

RECEBA GRATUITAMENTE NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

A iniciativa é fruto de uma parceria entre a Universidade Federal de Pelotas e o Museu do Festival de Cinema de Gramado. Ao longo dos próximos seis meses, essas instituições unirão esforços para desenvolver um projeto abrangente de acessibilidade. O objetivo é adaptar o museu, suas exposições e serviços, para garantir uma experiência rica e eficaz a todos os visitantes, independentemente de suas necessidades específicas.

A expectativa é que o debate inspire não apenas profissionais da área cultural e museológica, mas também gestores públicos, educadores e demais interessados em promover a cultura de forma democrática e igualitária.

De acordo com a museóloga do Museu do Festival de Cinema de Gramado, Me. Helen Espinosa, mediadora do debate, “a acessibilidade em museus é um tema de extrema importância, pois todas as pessoas devem ter a oportunidade de desfrutar e aprender com as exposições e acervos culturais. Infelizmente, muitos museus ainda apresentam barreiras que dificultam ou impedem o acesso de grupos minoritários.”

Cabe destacar que o evento é aberto a todos os públicos, com entrada gratuita e emissão de certificado.

Sempre lembrando que o Museu do Festival de Cinema de Gramado é mantido pela Gramado Parks, responsável por toda a concepção desde sua inauguração em 2016, e tem como seus pilares o acesso democrático a cultura, e valorização das comunidades locais, no entorno de onde estão inseridos seus empreendimentos.

Aberto diariamente das 10h às 21h, o Museu conta com a cafeteria Curta Café, oferecendo cardápio exclusivo e vista privilegiada da Avenida Borges de Medeiros e da Igreja São Pedro, duas das principais atrações turísticas da cidade.

RECEBA AS NOSSAS NOTÍCIAS AGORA TAMBÉM PELO TELEGRAM

Sobre a Gramado Parks

Fundada em Gramado, na Serra Gaúcha, a Gramado Parks é um dos maiores grupos de hospitalidade e entretenimento do país. É responsável por empreendimentos inovadores como o Snowland, primeiro parque de neve indoor do país, o Acquamotion, primeiro parque aquático termal da América Latina, ambos em Gramado, e a Yup Star, rodas-gigantes localizadas no Rio de Janeiro e em Foz do Iguaçu.

Com mais de 2.000 colaboradores, a empresa também tem três hotéis em Gramado (Bella Gramado, Exclusive Gramado e Buona Vitta), quatro restaurantes (DonaLira, Opiano, Don Milo e Signature), administra o Museu do Festival de Cinema de Gramado e possui salas comerciais do conceito de multipropriedade na Serra Gaúcha, Pernambuco, Foz do Iguaçu e Rio de Janeiro.

Mais informações: www.gramadoparks.com.br