Canela,

16 de abril de 2024

Anuncie

Fê Brandão

EU VEJO VOCÊ

Fernanda Rosa Brandão

EU VEJO VOCÊ – Como saber se eu estou no meu lugar de força?

Compartilhe:

Sua vida é uma peça de quebra cabeça, e esta peça vai se encaixar nos vários sistemas em que está inserida, que participa. Quando ela encaixar quer dizer que está no seu lugar de força e as coisas acontecem naturalmente, sem esforço, sem cansaço, sem sacrifício.

E como saber se estou no meu lugar de força? Como saber se estou no lugar certo dentro de cada sistema que participo?

A gente sente no corpo, na mente e nas atitudes. Precisa perceber a ordem de quem veio primeiro, ou seja, honrar pai e mãe, vendo e sentindo eles como grandes e capazes de cuidar de si mesmos. Quando vejo eles como incapaz e que preciso decidir e resolver por eles, claramente estou no lugar de seus pais. Volto para meu lugar percebendo e me colocando no meu lugar de filha.

Quando no local de trabalho tento me colocar no lugar dos que vieram antes, aqui não por ordem de nascimento e sim por ordem de chegada neste ambiente. Julgo e digo como deveria fazer, estou fora do meu lugar, dou um passo atrás e volto para meu lugar, para diminuir conflitos e bagunçar mais ainda este sistema.

Cada um precisa olhar pra si, observar e identificar em quais lugares está ocupando que não são seus. É como se carregasse mochilas que não são suas e isso se torna pesado e desajeitado.

• Siga Fernanda Brandão no Instagram

Em seu relacionamento de casal, como está este equilíbrio? Está sendo mãe e pai de seu parceiro, trata como criança? Perceba estas dinâmicas também, que a maioria das vezes são inconscientes e com elas vem junto muita desordem que afeta toda a sua vida.

No ambiente escolar, quais os papéis você está abraçando? Se é coordenadora, está praticando apenas aquilo que te cabe dentro da sua função? Ou está querendo salvar a todos e resolver os desafios de cada um? Assim está claramente fora do seu lugar e te deixando de lado, não olhando pra ti e a desculpa é que não tem tempo.

Realmente é falta de tempo, falta de prioridade ou simplesmente não quer olhar pra si e para suas próprias sombras?

Quando te ocupa demais com os outros, é a boazinha, ajuda a todos, não sabe dizer não e se sobrecarrega com as demandas dos outros, é visível que não quer se responsabilizar por teus desafios e dificuldades. Assim só tem tempo para os outros e a mesma desculpa de sempre, que não tem tempo pra ti.

A vida está acontecendo e você se ocupando com a vida dos outros. Já parou para pensar, como quer ser lembrada? Quais os legados quer deixar para os seus? Está fazendo por ti, pela tua vida ou apenas olhando para o lado? A vida é pra frente e pra ti. Não é egoísmo e sim auto amor, te cuidar, pois como você se cuida e se prioriza, mostra para os outros como gosta e aceita ser tratada.

Tenho certeza que pode e quer fazer mais por ti e pela tua família, aquela que está sempre ao seu lado te apoiando nos momentos bons e nos ruins também. Se olhe com amor e esteja no seu lugar de filha, mulher, companheira, mãe, profissional e tantos outros papéis que assume durante seus dias. E não esqueça: “EU VEJO VOCÊ.”