Início Destaque Índios Kaingangs seguem acampados na Floresta Nacional do Ibama

Índios Kaingangs seguem acampados na Floresta Nacional do Ibama

Continua depois da publicidade

Por volta das 15h, do sábado, dia 25, índios Kaingangs invadiram a área da Floresta Nacional do Ibama, em Canela, e arrombaram um imóvel do local para se instalarem. Os Kaingangs chegaram na cidade na parte da manhã com o objetivo de permanecerem acampados na cidade por tempo indeterminado.

Seu líder é Zílio Jagtyg Salvador, Kujã-pajé na Aldeia Kaingang da Lomba do Pinheiro, em Porto Alegre, local de origem das 27 pessoas que já estão na cidade e formam 17 famílias. O grupo vem de Nonoai, extremo norte do Estado e aguarda a chegada de mais 29 pessoas. A ideia do grupo é morar na área do Ibama e vender artesanato na cidade.

Os indígenas argumentam que a área do Ibama já foi morada de Kaingangs no passado e que historicamente estas terras abrigam índios, havendo inclusive resquícios históricos. Esta não é a primeira vez que os Kaingangs tentam se instalar no local. Outras tentativas aconteceram em 2005 e 2009.

Os responsáveis pela unidade do Ibama em Canela alegam que ainda no sábado entraram com um pedido de reintegração da área junto ao Ministério Público Federal, em Caxias do Sul. Um processo tramita na justiça para determinar se a área em questão é uma reserva indígena.

Foto: Francisco Rocha