Início Destaque Polícia Civil de Canela faz silêncio como forma de protesto ao parcelamento...

Polícia Civil de Canela faz silêncio como forma de protesto ao parcelamento de salários

Continua depois da publicidade

Governo do Estado anuncia que servidores públicos receberão pagamento em três parcelas

Em entrevista coletiva, na manhã desta sexta-feira, 31, o secretário da Fazenda do Rio Grande do Sul, Giovani Feltes, confirmou o parcelamento dos salários dos servidores estaduais. Em reflexo a isso, como forma de protesto, o delegado da Polícia Civil de Canela, Vladimir Medeiros recebeu representantes dos veículos de comunicação de Canela e Gramado em seu gabinete e anunciou que não passará mais informações à imprensa.

O único comunicado feito pelo Delegado sobre as ações policiais foi referente à “Operação Parcelada”, realizada na noite de ontem, 30, que ocasionou a prisão de dois traficantes que portavam mais de 10kg de maconha (foto).

O silêncio adotado pela Polícia Civil de Canela faz parte da reivindicação ao parcelamento dos salários, que conforme anunciado pelo Estado será pago em três parcelas: a primeira, nesta sexta, último dia útil do mês, em que os servidores públicos receberam R$ 2.150,00. Outra parte, equivalente a R$ 1 mil, deve ser depositada no dia 13 de agosto. Aos funcionários que recebem salário superior a R$ 3.150,00, o restante será pago do dia 20 até 25 de agosto.

De acordo com a Polícia Civil de Canela, os atendimentos a casos graves não serão afetados. Medeiros não confirma, no entanto, algumas ações externas da Polícia Civil podem ser prejudicadas. Além disso, uma manifestação, que ocorrerá em todo Estado, está marcada para próxima segunda-feira, 03, em frente à Delegacia de Polícia de Canela.

Delegado Vladimir Medeiros mostra as drogas apreendidas sem dar detalhes sobre a Operação Parcelada. O nome faz alusão à maneira que a dupla dividiu a droga em uma carga para cada um, mas coincidentemente foi realizada na véspera do parcelamento dos salários dos servidores do Estado (Foto: Nicole Cavallin)
(Foto: Divulgação PC)