Início PáginaDois PáginaDois por Noeli Stopassola Soares 18/05/2018

PáginaDois por Noeli Stopassola Soares 18/05/2018

Continua depois da publicidade

Dia Nacional do Técnico e Auxiliar de Enfermagem.

O Dia do Técnico em Enfermagem é celebrado anualmente em 20 de maio. Esta data homenageia todos os profissionais que se dedicam a cuidar da saúde das pessoas, auxiliando os demais profissionais do ramo, como os médicos e enfermeiros.
O Dia Nacional do Técnico e Auxiliar de Enfermagem foram instituídos a partir da resolução nº 294, de 15 de outubro de 2004, e definido pelo Conselho Federal de Enfermagem (COFEN).
No Brasil, o Dia do Técnico em Enfermagem fecha a “Semana da Enfermagem”, que começa em 12 de maio, com a celebração do Dia Internacional da Enfermagem.
A diferença entre um técnico de enfermagem e um enfermeiro é que este último precisa fazer um curso de ensino superior em Enfermagem, enquanto que o técnico está apto a exercer o seu trabalho a partir de um curso técnico de enfermagem.
Homenagem ao Dia do Técnico em Enfermagem.
Dedicação, empenho e amor… Essas três características são essenciais para moldar um excelente profissional! Obrigado por ser um exemplo de profissional para todos nós.
Enfermeiros são anjos da guarda! Obrigado por todo o carinho e esforço em salvar vidas diariamente! Feliz Dia do Técnico em Enfermagem!

Curiosidades.

Dia da Língua Nacional > O Dia da Língua Nacional é comemorado em 21 de maio. Nesta data homenageamos o idioma oficial de uma determinada nação. No caso do Brasil, a língua nacional dos brasileiros é o português.
A língua portuguesa é falada no Brasil por influência dos portugueses, principais responsáveis pela colonização no país. Porém, o português falado pelos brasileiros é dotado de diversas variações derivadas de outros idiomas, como o Tupi-Guarani, por exemplo.
O Tupi foi uma das maiores nações indígenas do Brasil, quando os primeiros colonizadores europeus desembarcaram nas terras tupiniquins.
Além dos idiomas indígenas, a língua portuguesa brasileira também é sincretizada com idiomas dos povos africanos (como o ioruba, jejes e nagôs, por exemplo), que foram trazidos para o Brasil durante o período da escravidão.
O Brasil tem duas línguas oficiais: Português e Libras.

Contudo, línguas minoritárias do Brasil são faladas em todo o país. O censo de 2010 contabilizou 305 etnias indígenas no Brasil, que falam 274 línguas diferentes.
Há comunidades significativas de falantes do alemão (na maior parte o Hunsrückisch, um alto dialeto alemão) e italiano(principalmente o talian, de origem veneta) no sul do país, os quais foram influenciados pelo idioma português, assim como um processo recente de cooficialização destas línguas, como já ocorreu em Pomerode e em Santa Maria de Jetibá.

É estimado que havia mais de mil idiomas no Brasil na época do descobrimento. Segundo pesquisa anterior ao censo de 2010, esses idiomas estavam reduzidos ao número de 180.
Nos primeiros anos de colonização, as línguas indígenas eram faladas inclusive pelos colonos portugueses, que adotaram um idioma misto baseado na língua tupi, chamado nheengatu.
Por ser falada por quase todos os habitantes do Brasil, ficou conhecida como língua geral. Todavia, no século XVIII, a língua portuguesa tornou-se oficial do Brasil, o que culminou no quase desaparecimento dessa língua comum.
Com o decorrer dos séculos, os índios foram exterminados ou aculturados pela ação colonizadora e, com isso, centenas de seus idiomas foram extintos.
Atualmente, os idiomas indígenas são falados, sobretudo no Norte e Centro-Oeste. As línguas mais faladas são do tronco Tupi-guarani.
Há uma recente tendência de cooficializar outras línguas nos municípios povoados por imigrantes, como as línguas italiana, alemã ou indígenas, através de levantamentos do Inventário Nacional da Diversidade Lingüística.

Em nossa cidade.

Brechó da ABASC todas as segundas, quintas e sextas à tarde junto ao hospital de Canela. Prestigiem!

Vem aí: Feijoada, em prol do hospital de Canela, promovida pela ABASC. Convites, com membros desta. Será no Grande Hotel Canela, dia 2 de junho, a partir das 12h. Participem!

Canelense, continuem dando preferência para o comércio e serviços de nossa cidade. Faça Canela crescer, com sustentabilidade.

Você nunca sabe que resultados virão da sua ação. Mas se você não fizer nada, não existirão resultados”. Mahatma Gandhi