Início Canela Homem baleado, ontem, é familiar de jovem morto a tiros, no sábado

Homem baleado, ontem, é familiar de jovem morto a tiros, no sábado

Aldair Telles Foto: Reprodução
Continua depois da publicidade

Aos poucos, vão surgindo novas informações sobre os dois últimos crimes violentos em Canela. Durante a madrugada de hoje (18), foi confirmado que Aldair Telles, baleado na noite de ontem (17), no bairro São Lucas, tem parentesco com Victor Hugo Athaydes, morto a tiros, no sábado, na Vila Miná.

Telles é companheiro da mãe da namorada de Victor, sendo considerado, portanto, familiar do jovem assassinado, sendo vistos juntos por diversas vezes.

Além disso, Telles é conhecido das forças de segurança da cidade e estava sendo investigado por atividades ligadas ao tráfico, principalmente no bairro São Rafael e arredores. Com isso, fica explícita a ligação entre o homicídio de sábado e a tentativa de homicídio de terça.

Victor Hugo Athaydes e Aldair Telles, em foto nas redes socias

Nove tiros na Rua da Fraternidade

Aldair Telles, 30 anos, foi surpreendido na Rua da Fraternidade, bairro São Lucas, em conhecido local de venda de drogas, por volta das 21h15min de terça (18). Ele foi atingido por nove disparos de arma de fogo, dois no rosto, um na perna, um no ombro e outros no peito e abdômen.

Socorrido por Corpo de Bombeiros e Samu, Telles foi levado ao Hospital de Caridade de Canela, após transferido para o Hospital Arcanjo São Miguel, em Gramado, onde passou por cirurgia e não corre risco de morte.

Aldair foi trazido ao Hospital de Caridade de Canela

Ação na noite de ontem

A Brigada Militar, através do Pelotão de Operações Especiais, realizou buscas durante a noite de ontem e a madrugada de hoje, buscando suspeitos da tentativa de homicídio. Na casa de um destes suspeitos, foi apreendida uma quantidade de pedras de crack fracionadas e uma balança de precisão, porém, nenhum dos procurados foi localizado.

Havia outra vítima no crime de sábado

Victor Hugo Athaydes foi morto por volta das 12h45min do sábado (14), na Rua dos Cravos na Vila Miná. O que não foi divulgado no final de semana, para não atrapalhar as investigações, é que havia um segundo jovem com Athaydes, também alvo dos tiros. Esta segunda vítima conseguiu fugir do local e sua identidade foi preservada para a sua segurança.

Victor estava acompanhado de outro homem, quando foi morto no sábado (14), na Vila Miná

Investigação adiantada

Apesar de não revelar detalhes da investigação, o delegado de Canela, Vladimir Medeiros, diz que o trabalho da Polícia Civil está adiantado, mas que no momento não será divulgada nenhuma informação. Os trabalhos da DP Canela com relação a tentativa de homicídio iniciaram ainda na noite de ontem e contam com, pelo menos, duas linhas de trabalho.

Na tarde de ontem, a Polícia Civil de Canela realizou ação contra o tráfico, com prisão em flagrante e apreensão de drogas e armas

Fotos: Reprodução