Início Lixo Prefeitura lança novo edital de coleta de lixo

Prefeitura lança novo edital de coleta de lixo

Continua depois da publicidade

Nova licitação prevê inclusão de serviços com praticamente o mesmo valor pago hoje pelo Município de Canela

A Prefeitura de Canela lançou, na sexta-feira (20), o edital de licitação para contratação de empresas que, ao longo dos próximos cinco anos, prestarão serviços de coleta seletiva, disposição final, transporte de resíduos e separação e triagem de lixo.

A licitação será feita no modelo de pregão presencial, com abertura prevista para 9 de outubro. Nesse modelo, vencerá a empresa que for habilitada a prestar os serviços pelo menor custo mensal.

Os editais estão dividindo os serviços em quatro lotes:

Coleta Seletiva – Lixo: Contratação dos serviços de empresa especializada para execução da coleta seletiva dos resíduos sólidos urbanos recicláveis (lote 1), orgânicos compostáveis e rejeitáveis (lote 2), especiais (lote 3) e verdes (lote 4) gerados no município de Canela e disponibilização de 100 contêineres (lote 5), totalizando os custos das planilhas em R$ 277.662,35 mensais.

Disposição Final – Lixo: Contratação do serviço de disposição final ambientalmente adequada dos resíduos e rejeitos gerados a partir do gerenciamento dos resíduos urbanos coletados no município de Canela. Valor da planilha de R$ 83.300,00 mensais.

Transporte de resíduos: Contratação do serviço de transporte com recipientes estanques para disposição final ambientalmente adequada dos rejeitos gerados a partir dos procedimentos coleta e processamento dos resíduos sólidos provenientes do serviço de limpeza pública no município de Canela. Valor da planilha de R$ 42.038,20 mensais.

Separação e Triagem de Lixo: Contratação dos serviços, pessoal e equipamentos, para separação, triagem e comercialização dos seletivos recicláveis e do processamento dos orgânicos através de compostagem ou método compatível e transbordo dos rejeitos, ampliando-se progressivamente o percentual direcionado para a reciclagem e reduzindo os quantitativos remetidos para o aterro. Valor da planilha de R$ 68.369,90 mensais.

O Secretário de Meio Ambiente, Trânsito e Mobilidade Urbana, Jackson Müller destaca que os novos editais buscam incorporar conceitos modernos para a gestão integrada de resíduos sólidos, com atenção especial as disposições da política nacional de resíduos sólidos e particularidades locais. Para o Jackson, “os novos editais buscam a qualificação dos procedimentos visando a redução dos custos para transporte e destinação final dos resíduos, criando bonificações para os empreendimentos que ampliam a recuperação dos materiais gerados nos serviços de limpeza pública”.

Mais serviços com o mesmo custo

Atualmente, a Prefeitura paga R$ 471.264,44 à Geral Transportes pelo contrato de recolhimento do lixo, sendo que R$ 74 mil estão sendo depositados em juízo, devido à ações judiciais de irregularidades na Coleta.

O novo edital, prevê o custo de R$ 471.370,45, ou seja, R$ 136,01 a mais do que a Prefeitura paga hoje, porém, com mais serviços. Segundo o secretário Jackson, estão inclusos coleta dos verdes, qualificação das estruturas de processamento, separação, triagem e compostagem, com bonificação do que não vai sair de Canela para aterro privado.

Vale lembrar que estes R$ 471.264,44 são valores pagos desde 2013, portanto o novo edital irá representar grande economia para o Município de Canela”, finalizou.

Os editais completos para mais informações podem ser acessados em www.canela.rs.gov.br – licitações, pregão.